“Secretário de Aleixo” apresentado na Biblioteca de Loulé

Joaquim Romero Magalhães apresenta o livro “Joaquim Magalhães – Um Escrita na Primeira Pessoa”, na Biblioteca Municipal de Loulé no dia 07 de março, pelas 18:30.

Uma obra que apresenta uma recolha e anotações de cartas escritas por Joaquim de Magalhães que deu a conhecer a obra do poeta António Aleixo.

Pub

O seu trabalho de compilação e correção das quadras de António Aleixo, editadas em 1943, pelo Círculo Cultural do Algarve, no livro “Quando começo a cantar”, levou o poeta a chamá-lo de “o Secretário de Aleixo”.

A obra foi escrita pelo filho de Joaquim de Magalhães e vai ser apresentada na Biblioteca Municipal Sophia de Mello Breyner Andresen, em Loulé, por Luís Guerreiro.

O livro é ilustrado pelo seguinte excerto de Lídia Jorge: “Se cada homem é feito de muitos homens, o homem culto é feito de muitos homens cultos. Joaquim Magalhães em Primeira Pessoa, uma reconstituição biográfica a partir da epistolografia deixada pelo extraordinário professor que foi este homem evocado neste livro, revela isso mesmo.

Um ambiente familiar exigente, a convivência com a elite intelectual mais criativa da sua geração durante o período de juventude, a relação com o mundo cultural pedagógico que foi acompanhando ao longo do seu tempo, alterando-o, subvertendo-o, servindo de modelo antecipado para muitas das mudanças que na sua altura pareciam desviantes, para mais tarde serem incorporadas como revolucionárias e modernas. Este livro fala dessa figura que se formou na atmosfera dos modernistas portugueses, sem nunca se desviar do seu ideário de ousadia, universalismo e comprometimento com o pequeno mundo, tendo como referência o mundo maior”.

Pub

Pub
Mais em Artes & Espetáculos
Lagoa recebe Festas do Divino Espírito Santo

Lagoa do Algarve irá receber uma comitiva de Lagoa dos Açores, no âmbito do protoloco de geminação existente entre as duas cidades…

Banda “Os Naira” no Auditório Municipal de Albufeira

Os Naira voltam a surpreender os albufeirenses, desta vez com uma atuação aberta ao público,…

Cineteatro Louletano garante apoio para quadriénio 2022 – 2025

O Cineteatro Louletano acaba de ver garantido um apoio de 200 mil euros anuais para…

Música e literatura do Algarve nas comemorações dos 150 anos de Ernesto Korrodi

A música e literatura “made in Algarve” vão marcar presença, em Leiria, nas comemorações dos 150 anos do nascimento de Ernesto Korrodi