Jornal diariOnline Região Sul

Castro Marim: Programa de Combate à Obesidade já avaliou uma centena de pessoas

O trabalho desenvolvido pelo Programa de Combate à Obesidade de Castro Marim, que reúne 145 aderentes desde setembro de 2016, já permitiu avaliar 99 pessoas que querem reduzir o seu peso através de melhor nutrição e uma vida mais ativa.

O programa municipal de combate à obesidade, promovido pela autarquia local, em articulação com o Centro de Saúde local, reúne diferentes abordagens técnicas, que passam pela consulta médica, nutrição, psicologia e desporto.

“Esta iniciativa está integrada nas políticas sociais e de saúde da autarquia castromarinense e visa combater aquele que é considerado um dos principais flagelos deste século, a obesidade, responsável pela diminuição da qualidade de vida e pela morte prematura da população mundial”, assinala, em comunicado, a Câmara de Castro Marim.

Atualmente, mais de metade da população portuguesa (5,9 milhões de pessoas) é obesa ou está em risco de o ser - e apenas 27% fazem exercício físico diariamente, segundo os dados do Inquérito Alimentar Nacional e de Atividade Física, realizado entre 2015 e 2016 sob a coordenação da Universidade do Porto.

“A resposta dos serviços de saúde do Estado é lenta e falha muito, porque é preciso agarrar a motivação das pessoas na hora certa”, salienta o médico e presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral.

Natália Gomes aderiu ao programa, inicialmente “para perder peso”, mas, acima de tudo, para “ter uma melhor qualidade de vida”. Até agora, o balanço tem sido “muito positivo” e sente-se muito motivada para continuar, disse, citada em comunicado pela autarquia.

Os interessados podem dirigir-se ao Gabinete de Apoio ao Munícipe do Município de Castro Marim ou utilizar os contactos 281510778 e gam@cm-castromarim.pt.

Comentários

comentários