Mais um contributo de 3.715 árvores plantadas

O município de Votuporanga no Estado de S. Paulo (Brasil), tem em curso um programa de reflorestação, com o qual já registou este ano no Placard da Árvore, até ao dia 19 de abril, a plantação de 3.225 árvores.

A reportagem é do Jornal da Cidade de Votuporanga, que informa também que o número de árvores plantadas está a ser registado pelo SAEV Ambiental, organismo que se ocupa da transparência do processo de arborização da cidade e que semanalmente atualiza o placard, não só em termos de novas plantações, como também "as mudas" - reposições que entretanto são feitas - estando previstas para os próximos dias mais 22.

Pub

Refira-se que o placard da árvore de Votuporanga foi criado com o intuito de tornar "transparente o trabalho que a Superintendência de Água, Esgoto e Meio Ambiente de Votuporanga (Saev Ambiental) vem fazendo na parte de arborização urbana e reflorestamento do município".

Semanalmente é feita a atualização de todos os dados. No placard é possível acompanhar quantas mudas já foram solicitadas e plantadas pelo Disque Árvore, através do placard "que se encontra abaixo da árvore, com números específicos, ou pela copa da árvore, em que as folha verdes representam as árvores plantadas e as brancas, as que já foram solicitadas, mas que ainda não foram plantadas".

(Fonte: Notícia do jornal "A Cidade" de Votuporanga e http://saev.com.br/placar-da-arvore )

 

“Nascer Verde” - uma árvore plantada por cada criança nascida no município de S. Roque

Uma outra iniciativa ligada à reflorestação noticiada na passada semana pelo "Jornal Económico Online", que relata a plantação de 490 árvores de diversas espécies, no âmbito do terceiro plantio de árvores do projeto “Nascer Verde”, do Fundo Social de Solidariedade (FSS) de São Roque, Estado de S. Paulo (Brasil).

Pub

Segundo o referido jornal,  o “Nascer Verde” foi idealizado pela primeira dama da Prefeitura de S. Roque, Mazé Barros, e tem como inerência a plantação de uma árvore para cada criança nascida no município.  “A ideia nasceu no Fundo Social por ser um projeto socioambiental e que conta com o apoio de outros departamentos da Prefeitura de São Roque”, esclarece a presidente do FSS.

No total, em todas as plantações - realizadas na Santa Casa e no bairro do Goianã, foram plantadas 490 árvores, representando os nascimentos dos meses de janeiro, fevereiro e março, tendo o evento sido realizado na área da antiga horta municipal (atrás da escola do projeto, no Goianã), próximo do quilómetro 01 da rodovia Quintino de Lima, naquele município.

(Fonte:  "Jornal Económico Online" - http://jeonline.com.br/noticia/10714/projeto--nascer-verde--realizou-terceiro-plantio-de-arvores )

Pub
Artigos Relacionados
Mais em Ambiente
Portimão
Declaração de compromisso sobre alterações climáticas vai ser assinada em Portimão

A Águas do Algarve vai assinar em Portimão, na próxima semana, em conjunto com outros municípios e entidades gestoras do setor, a

Infraquinta implementa e certifica Sistema de Gestão de Energia

Durante a manhã de hoje, dia 25 de maio de 2022, e no âmbito do…

Sistema de recolha de biorresíduos no concelho de Lagos

A Câmara Municipal de Lagos aprovou, na sua última reunião, o Estudo para o Desenvolvimento…

Escola Padre Cabanita instala sistema de tratamento de águas para rega

No âmbito de uma candidatura à primeira edição do concurso “Eficiência Hídrica na Escola”, foi…