Hoje é o Dia Nacional do Sobreiro e da Cortiça

Hoje, dia 1 junho, comemora-se o Dia Nacional do Sobreiro e da Cortiça, dia que pretende marcar a importância que esta árvore tem para o nosso país, com os seus fortes contributos para a biodiversidade e o desenvolvimento económico.

O montado de sobro e o sobreiral são dos ecossistemas mais ricos em Biodiversidade de toda a Europa, existindo em Portugal uma área de 736 mil hectares, cerca de 23% da área florestal nacional, ecossistemas que servem de habitat para muitas espécies ameaçadas, e prestam-nos serviços importantíssimos para nossa sobrevivência, nomeadamente a regulação do ciclo da água, a conservação dos solos, a regulação do clima e o combate às alterações climáticas, com grande capacidade de absorção de CO2, contribuindo também para travar o processo de desertificação, sobretudo na região do Alentejo, onde a espécie é a mais abundante.

Pub

O contributo do sobreiro para a economia nacional é também muito importante, com cerca de 90% da produção de cortiça ser destinada à exportação, com a obtenção do resultado de 940 milhões de euros em 2016, e com crescimentos consecutivos nos últimos anos. Este setor da indústria nacional é dos mais sustentáveis, quer ao nível da exploração de recursos naturais, quer na emissão e retenção de CO2.

Projetos da Quercus de proteção ao sobreiro

Rolhas de cortiça

No contexto da preservação do sobreiro, a Quercus tem vindo a desenvolver vários projetos que visam a proteção, conservação e plantação de sobreiros, nomeadamente o projeto “Floresta Comum”, desenvolvido em parceria com o ICNF, a ANMP, e a UTAD, tendo sido distribuídas gratuitamente mais de 650.000 plantas florestais de espécies autóctones, sendo destas cerca de 80.000 da espécie Quercus suber L., ou sobreiro.

Paralelamente, e desde 2009, a Quercus desenvolve um outro projeto de reciclagem de rolhas de cortiça, designado, por “Green Cork”, onde para além da gestão do canal de reciclagem faz a sensibilização para a proteção do sobreiro e da cortiça em várias centenas de escolas de todo o País.

Ao abrigo deste projeto foram já reciclados mais de 70 milhões de rolhas de cortiça desde 2009. Está neste momento a decorrer mais uma campanha de reciclagem de rolhas de cortiça para as escolas e IPSS de todo o País e estas poderão ainda inscrever-se e serem premiadas, de acordo com as rolhas entregues, até ao próximo dia 5 de junho em qualquer loja do Continente.Com as verbas obtidas pela reciclagem das rolhas de cortiça, a Quercus financia parte das atividades e meios necessários para o desenvolvimento do Floresta Comum. Para além destes dois projetos, a Quercus tem vários outros projetos e iniciativas que envolvem a plantação ou proteção dos sobreiros, nomeadamente o projeto “Criar Bosques”.

Pub

Sobreiro - Árvore Nacional de Portugal

O sobreiro é uma espécie protegida pelo D.L. 169/2001 e, no final de 2011, foi consagrada pela Assembleia da República como a Árvore Nacional de Portugal. No entanto, a Quercus continua a fazer várias denúncias, todos os anos, de cortes e arranques ilegais de vários exemplares desta espécie. Este “Dia Nacional do Sobreiro e da Cortiça” serve para lembrar o quanto é importante esta árvore para o nosso País e que esta é uma das melhores heranças que podemos deixar para futuro das nossas crianças.

O conselho da Quercus é que a população em geral plante e proteja os sobreiros e não hesite em contactar a Associação e as autoridades competentes, para qualquer corte ou arranque que assista desta espécie.

Pub
Mais em Ambiente
Sistema de recolha de biorresíduos no concelho de Lagos

A Câmara Municipal de Lagos aprovou, na sua última reunião, o Estudo para o Desenvolvimento…

Escola Padre Cabanita instala sistema de tratamento de águas para rega

No âmbito de uma candidatura à primeira edição do concurso “Eficiência Hídrica na Escola”, foi…

“Caminhada no Algarvensis” celebra Semana Europeia de Geoparques

Albufeira, no âmbito da Semana Europeia de Geoparques, que decorre de 21 de maio a…

Culatra
Protótipo de dessalinização não intrusiva para a Ilha da Culatra vence concurso

O projeto «Culatra2030 – Non intrusive water desalination», coordenado por investigadores do Centro de Investigação Marinha e Ambiental