Jornal diariOnline Região Sul

Portimão:  Plano Operacional de Combate a Incêndios Florestais em 2017

A autarquia de Portimão apresentou o seu Plano Operacional Municipal de prevenção e combate aos Incêndios Florestais para o ano de 2017, numa sessão pública que foi presidida pela presidente da Câmara, Isilda Gomes.

Na sessão, que decorreu na Mexilhoeira Grande, marcaram presença o executivo municipal, presidentes de junta, membros da assembleia municipal e de freguesia, e representantes do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, Bombeiros de Portimão, Forças e Serviços de Segurança, Associações de Produtores Florestais, Corpo Nacional de Escutas, Cruz Vermelha Portuguesa, dirigentes da Câmara Municipal, e demais Entidades cooperantes que concorrem para a Defesa da Floresta Contra Incêndios no concelho.

Isilda Gomes, presidente da Câmara Municipal de Portimão, realçou

A plena confiança em todas as mulheres e homens que diariamente garantem a defesa da nossa floresta, o profissionalismo, a dedicação e competência de todo o dispositivo. Apelo à adoção de comportamentos seguros por parte dos cidadãos pois a maior parte dos incêndios ocorre por ação humana.

Por ocasião desta apresentação, no Adro da Igreja Matriz da Mexilhoeira Grande foram entregues equipamentos de proteção individual e de uso coletivo para o combate a incêndios florestais, combate a incêndios urbanos e industriais, matérias perigosas e outras áreas de apoio logístico para as operações de proteção e socorro.

Teve ainda lugar uma exposição estática com demostração de meios e recursos, reflexo do investimento que autarquia tem realizado neste âmbito, e que no presente ano se aproximará da quantia de um milhão de euros, mantendo-se o mesmo investimento que ocorria quando existia a taxa municipal de proteção civil.

A cerimónia culminou com o juramento e ingresso de dez novos operacionais nos Bombeiros de Portimão. Após concluírem o Curso Inicial de Bombeiro com aproveitamento e um processo de estágio em contexto real de trabalho, com mais de 1.000 horas de preparação, realizaram, perante o Estandarte da Instituição que agora servem, o juramento de bombeiro, que representa uma confirmação de responsabilidade e um compromisso para com os valores dos Bombeiros de Portimão nesta missão de interesse público.

No final, e para simbolizar a condição de “prontos”, receberam o respetivo capacete e insígnias de Bombeiro de 3ª. A Direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Portimão entregou, ainda, os respetivos Equipamentos de Proteção Individual, num investimento de 3.000,00€ por elemento.

Comentários

comentários