Foto: Reuters / RTP

Maior tragédia dos últimos 50 anos provocada por um incêndio em Portugal

Última actualização ás 12 horas revela 58 mortos e 59 feridos

Numa actualização efectuada aos órgãos de comunicação social pelo Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes às 12h00, disse que o número de mortes confirmadas no incêndio que deflagrou no sábado em Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, aumentou para 58 e pode ainda ser maior tendo em conta que há locais por onde o fogo passou que ainda não foram visionados.

Em declarações aos jornalistas Jorge Gomes revelou ainda que 17 pessoas foram encontradas na estrada, fora das viaturas ou à beira da via. Entre as vítimas mortais, 30 foram encontradas em carros na estrada que leva ao IC8. Dez pessoas foram encontradas mortas em ambiente rural.

Pub

No terreno, está uma equipa a fazer a localização das vítimas, pelo que caso seja encontrado um cadáver, é chamada a equipa da Polícia Judiciária, a qual entretanto afastou a hipótese de origem criminosa do incêndio.

Jorge Gomes disse ainda haver 59 feridos, a maioria civis, 18 dos quais foram para hospitais de Lisboa, Coimbra e Porto. Há cinco pessoas feridas com gravidade: quatro bombeiros e uma criança.

Refira-se por último que, o incêndio continua a lavrar nos concelhos de Pedrógão Grande, Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pêra, com quatro frentes de fogo ativas, duas delas com grande violência, estando no combate às chamas 692 operacionais, 216 meios terrestres e 5 meios aéreos.

Pub
Mais em Sociedade
Quatro detidos em Ourique por sequestro

Hoje, dia 18 de maio, foram detidas duas mulheres e dois homens, com idades compreendidas entre os 16 e os 23 anos, pelo crime de sequestro

Lagos recebeu empresários brasileiros com vista a futuras parcerias

A cidade de Lagos foi um dos pontos de passagem da delegação da missão ACIB…

Apresentação do livro “Empreender sem desculpas” em Portimão

No dia 28 de maio, pelas 18h00, a Biblioteca Municipal Manuel Teixeira Gomes receberá a…

Castro Marim: UCC/GNR apreende artes de pesca sem identificação na Praia Verde

Ontem, 17 de maio, foram apreendidas diversas artes de pesca que se encontravam sem qualquer marcação e identificação, na Praia Verde, no