Festival do Marisco de Olhão registou mais de 50 mil visitas

O 32.º Festival do Marisco de Olhão, que terminou na terça-feira ao som do músico brasileiro Seu Jorge, ultrapassou a meta das 50 mil visitas ao longo de seis dias, revelou a organização.

“Estamos muito satisfeitos com a forma como decorreu esta edição do Festival do Marisco. É com imenso prazer que, ano após ano, recebemos de braços abertos as dezenas de milhares de pessoas que nos visitam. Vamos agora recuperar energias e, brevemente, começar já a trabalhar na edição de 2018!”, disse o presidente da Câmara de Olhão, António Miguel Pina.

Pub

A iniciativa do município de Olhão, organizada pela empresa municipal Fesnima, voltou a afirmar-se como “o maior evento gastronómico a sul de Portugal”.

Nesta edição, foram consumidas mais de dez toneladas de mariscos e bivalves. Camarão, sapateira, amêijoas e ostras foram os mais procurados, cozinhados ao natural, ou em paella, arroz e açorda.

Em relação ao cartaz musical, a organização considera que as escolhas para este ano foram “apostas ganhas”: Tony Carreira, Richie Campbell, D.A.M.A, Diogo Piçarra, Nelson Freitas e Seu Jorge.

“A programação deste ano procurou ser o mais eclética possível, como, de resto, tentamos que seja todos os anos, de forma a agradar e atrair um número diversificado de públicos. Este ano, esse objetivo foi particularmente bem conseguido, e prova disso foram as enchentes verificadas do primeiro ao último dia”, sublinhou o autarca olhanense.

Pub

O evento O Festival do Marisco de Olhão contou este ano com as visitas do primeiro-ministro, António Costa, do ministro das Finanças, Mário Centeno, e do ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, entre outros governantes.

Outro dos pontos altos foi a passagem pelo certame do elenco da nova novela da SIC, «Paixão», que vai para o ar já em setembro, e é rodada em vários pontos do Algarve, entre os quais Olhão.

Pub
Mais em Sociedade
Baja de Loulé marcada no primeiro dia pelo calor e por desistências de vulto

Como delineado, a Baja de Loulé arrancou com o prólogo com 5,250 kms junto ao Estádio Algarve, permitindo ao público de Faro e Loulé assistir

De Boca em Boca Mértola com mais “Caminhos Contados”

Com o apoio do Ministério da Cultura através do programa Garantir Cultura, e o apoio…

“Bora lá ao Parque!” em Loulé

O Grupo de trabalho da Rede Municipal de Loulé “Cidade Educadora”, com a colaboração da…

Lagoa Wine Experiences 2022 arranca já este sábado

O Lagoa Wine Experiences dá o pontapé de saída sábado, dia 28 de maio, e…