Foto Stephanie Lecocq

Comissão Europeia atribuiu hoje 45 ME de ajuda a Portugal

Uma mudança no Programa Regional da Política de Coesão, foi esta quinta feira aprovada pela Comissão Europeia (CE), permitindo assim disponibilizar 45 milhões de euros de ajuda a Portugal.

A comissária europeia para a Política Regional, Corina Cretu, no final da votação desta medida declarou que "esta reorientação dos fundos ajudará a Região Centro a retomar o seu curso normal e ajudará os portugueses a virar a página deste capítulo doloroso”, referindo-se à vaga de incêndios que tem estado a devastar o nosso país.
“Quero expressar a nossa sincera solidariedade com os portugueses, numa altura em que os incêndios florestais continuam a devastar o país. Também gostaria de manifestar a nossa profunda gratidão àqueles que, em Portugal e no resto da Europa, lutam incansavelmente contra as chamas", adiantou Corina Cretu.

Pub

A verba total de 45 milhões de euros atribuída a Portugal, inclui 25 milhões de euros para serem usados na restauração da capacidade de produção das empresas do Centro do país, incluindo equipamentos e máquinas que tenham sido destruídas nos incêndios.
Os outros 20 milhões de euros destinam-se a ser investidos em serviços públicos e no restauro das infra-estruturas críticas como reparos nas estradas, restauro dos sistemas de distribuição de água ou substituição de veículos de transporte municipais, refere o comunicado enviado às redacções dos jornais esta quinta feira.

Refira-se também que a decisão no sentido de uma "uma reorientação dos fundos" surgiu na sequência de um pedido apresentado por Portugal.

Pub
Mais em Internacional
Brasil: chuvas em Pernambuco poderão deixar mais de 70 mortos

Em Alagoas, 13 municípios estão em situação de emergência devido aos temporais Fortes chuvas atingem,…

McLaren passa a exibir marca ‘Senna’ nos carros de Fórmula 1

O acordo é válido a partir do GP do Mónaco, onde o tricampeão conquistou seis vitórias

Shurastey é cremado nos EUA e as cinzas viajam com tutor para o Brasil

O influenciador, que estava com o seu cão golden retriever chamado de Shurastey, envolveu-se num acidente de trânsito. Ambos morreram.

F1: Leclerc o mais rápido também no TL2, pois então!…

Durante a primeira atividade o TL1, no Principado do Mónaco, a luta pela primeira posição…