SIMAB estabelece parceria para potenciar negócios no mercado inglês

Potenciar a oferta de negócios no mercado inglês para os agentes da fileira agroalimentar portuguesa é o primeiro objetivo de um protocolo agora estabelecido entre a SIMAB – Sociedade Instaladora de Mercados Abastecedores e a “The Portuguese Trade, L.td”, entidade britânica com sede em Norfolk - Inglaterra, é constituída por um grupo de empresas que se dedicam à distribuição e comércio de produtos importados para o “mercado da saudade” português, prestando particular atenção ao “marketing” de produtos e serviços portugueses no Reino Unido.

Entre as várias iniciativas que desenvolve, destaca-se a “The Portuguese Offer”, um encontro de negócios e exposição de produtos, de natureza “b2b”, destinado ao mercado do Reino Unido, com enfoque nas pequenas e médias empresas britânicas e cuja edição de 2017 se realizou esta sexta-feira e sábado (20 e 21 de outubro), no “Business Design Centre”, em Londres.

Pub

Refira-se que a SIMAB é uma empresa de capitais públicos que presta serviços de conceção, instalação, dimensionamento, revitalização e modernização de mercados abastecedores e municipais, pelo que de acordo com Rui Paulo Figueiredo, que, enquanto CEO da SIMAB, subscreveu este protocolo, o acordo tem em conta que o grupo português gere uma moderna rede de mercados abastecedores – Mercado Abastecedor da Região de Lisboa, Mercado Abastecedor da Região de Braga, Mercado Abastecedor da Região de Évora e Mercado Abastecedor da Região de Faro –, onde operam os principais “stakeholders” da fileira agroalimentar, e se afirma nas suas vertentes de “management and services markets”.

«A SIMAB representa um conjunto estratégico de modernos centros de logística e de distribuição alimentar, polos económicos fundamentais no apoio à produção nacional e à organização e modernização do comércio agroalimentar, o que lhe atribui um papel fundamental no setor», sublinha Rui Paulo Figueiredo.

Pela “The Portuguese Trade”, o protocolo foi subscrito pelo administrador Carlos Alberto Ribeiro, que relevou a importância de captar os operadores portugueses, particularmente aqueles que trabalham com a SIMAB, para o estabelecimento de relações com um mercado de pequenas e médias empresas, 90% do setor privado, que empregam 15, 6 milhões de pessoas e faturam mais de 1, 6 triliões de libras esterlinas por ano.

A par de outros benefícios inscritos nas Condições Gerais de Adesão, os operadores nacionais que venham a ser indicados pela SIMAB podem contar com um desconto de 20% nos custos de participação nas feiras promovidas pela “The Portuguese Trade”, bem como com a divulgação e promoção no jornal “As Notícias” editado pela mesma entidade.

No contexto deste protocolo – que vigora por um ano, automaticamente renovável –, também a SIMAB beneficia de um espaço específico para a sua divulgação nas exposições organizadas pelo parceiro britânico.

Pub

Refira-se por último que os operadores da SIMAB interessados em obter mais informação sobre esta parceria podem solicitá-la à Administração da SIMAB ou junto dos serviços administrativos dos mercados abastecedores de Lisboa, Braga, Évora e Faro.

Pub
Mais em Economia
Inflação atinge recorde de 8,1% na UE

Taxa de inflação homóloga da zona euro manteve-se estável nos 7,4% em abril, face a março, segundo informa o Eurostat.

Lagos recebeu empresários brasileiros com vista a futuras parcerias

A cidade de Lagos foi um dos pontos de passagem da delegação da missão ACIB…

Associação Empresarial de Sines e Porto de Luanda assinam protocolo

A Associação Empresarial de Sines (AES) e o Porto de Luanda assinaram um Protocolo de…

AHETA
AHETA e Aviludo firmaram parceria estratégica

A AHETA – Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve e a Aviludo firmaram uma parceria estratégica que visa reforçar a