Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Miguel Oliveira conquista segunda vitória em Moto2 – GP da Malásia

Português vence pela segunda prova consecutiva (Foto: jornal Record)

Depois de no passado fim de semana ter chegado à vitória no Grande Prémio da Austrália em Moto2, o piloto português Miguel Oliveira, de 22 anos, representando a KTM, voltou esta madrugada às vitórias ao acrescentar mais um triunfo ao seu currículo, agora no traçado de Sepang, na Malásia.

Miguel Oliveira partiu da segunda posição e de imediato assumiu a dianteira, logo na primeira curva, cerrou os dentes (ou não fosse ele dentista de profissão) e disse adeus aos seus adversários e colocou-se na liderança até final.

Da primeira à última volta, o português exibiu "uma condução praticamente perfeita, e nem a chuva que começou a cair na fase final o abalou. Terminou a prova com 2,3 segundos de avanço para o colega de equipa Brad Binder (a segunda dobradinha para a KTM) e 6,8 para Morbidelli, que é agora o novo campeão do Mundo", como relata o jornal Record,

Esta foi também a prova que consagrou Franco Morbidelli como o novo campeão mundial de Moto2, embora o italiano já fosse campeão mesmo antes da largada para esta prova, uma vez que Thomas Luthi não saiu para a prova por ter fraturado o tornozelo na qualificação.

No Mundial de Moto2 fica também fecha a questão do pódio final, já que com este triunfo Miguel Oliveira (216) consegue fugir definitivamente de Alex Márquez (190), que caiu logo na fase inicial da prova e não terminou, ocupando a 3.ª posição - conta-nos o jornal Record, na manhã do dia em que também a hora mudou.

Conta-nos o Record que Miguel Oliveira explicou que a ideia em Sepang nem era a de fugir e comandar de fio a pavio, mas assim que se viu na frente... não quis outra coisa.
"Dei tudo... Nem sei se sou capaz de falar muito! A estratégia não era a de fugir na frente, pois tínhamos pensado ir atrás do Franco, mas assim que vi que tinha ganho alguma vantagem, vi que tinha de ir com tudo. Não me guardei. Foi uma grande vitória para nós. Estou muito orgulhoso", declarou o piloto da KTM.

E, a classificação do Mundial está assim:

1. Franco Morbidelli, 288 pontos
2. Thomas Luthi, 243
3. Miguel Oliveira, 216
4. Alex Marquez, 190
5. Pecco Bagnaia, 158
6. Mattia Pasini, 148

Exit mobile version