Investigadora da UAlg ganha Prémio Astrazeneca Innovate Competition

Ana Fernandes, investigadora do Centro de Investigação em Biomedicina (CBMR) da Universidade do Algarve, acaba de ganhar o Prémio Astrazeneca Innovate Competition concebido pela Fundação AstraZeneca, o qual é destinado a apoiar alunos de licenciatura e mestrado, com resultados mais inovadores em termos de investigação, cujo prémio tem o valor pecuniário de 3.000 euros.

Atribuído durante o Congresso iMed 9.0, que decorreu de 25 a 29 de outubro, em Lisboa, o prémio reconheceu, assim, o trabalho da investigadora, na área do cancro da mama e, nomeadamente, a sua apresentação oral "miRNA-mediated cis-regulation in breast cancer susceptibility". Nesta comunicação, Ana Fernandes apresentou os resultados da sua dissertação de mestrado, desenvolvida sob a orientação de Ana Teresa Maia e Joana Xavier, ambas investigadoras no Grupo de Genómica Funcional do Cancro do CBMR.

Pub
Pub
Mais em Saúde
Varíola dos macacos: Dinamarca e França avançam vacinação

As autoridades de saúde francesas recomendaram esta terça-feira o início da vacinação dos contactos de…

Argentina perante o primeiro caso suspeito de varíola dos macacos

Nenhum caso positivo confirmado da doença foi registado na América Latina até ao momento O…

Portugal é o primeiro país a sequenciar genoma do Monkeypox

Vírus está na origem de um recente surto que afeta vários países onde a infeção…

Monkeypox
Novos casos confirmados do vírus Monkeypox chegam ao Algarve

O número de casos confirmados do vírus Monkeypox subiu hoje para 37, distribuídos pelas regiões de Lisboa e Vale do Tejo, Norte e Algarve,