Jornal diariOnline Região Sul

História da Matriz de Portimão em livro

História da Igreja Matriz de Portimão

A Igreja de Nossa Senhora da Conceição – Matriz de Portimão, tem comemorado ao longo do presente ano os 550 anos da autorização episcopal para a sua edificação, em resposta ao pedido dirigido ao então Bispo do Algarve pela população portimonense.

Integrada nestas comemorações, a Igreja Matriz de Portimão receberá entre os dias 2 e 8 de Dezembro a Visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa, realizando-se uma Peregrinação portimonense a Vila Viçosa no dia 9 de Dezembro, que acompanhará o regresso da Imagem ao seu Santuário.

No dia 10 de Dezembro, pelas 16 horas, a encerrar as comemorações, será apresentado, na Igreja Matriz, o livro «Igreja Matriz de Portimão – 550 Anos de História (1467-2017)», um ensaio monográfico da autoria de Nuno Campos Inácio, autor de outros títulos dedicados à história portimonense. A apresentação contará com um momento musical a cargo da Orquestra Bach, a que se poderão juntar outras surpresas musicais.

Esta monografia, a primeira elaborada sobra este monumento algarvio, nasceu do repto que o pároco da Matriz, Padre Mário de Sousa, lançou ao autor. Com 324 páginas, a obra está dividida em 22 capítulos, que abordam temas tão amplos que abarcam desde a origem do Cristianismo na Hispânia até à Igreja Matriz na actualidade, passando pela caracterização do templo, pela vida religiosa portimonense século a século, as Visitações, as Capelas, Confrarias e Irmandades, a Arte Sacra, estatística, relação de sacerdotes e o riquíssimo Tombo da Igreja Matriz.

Na sua elaboração o autor, seguindo o seu estilo de investigador e genealogista, optou por dar preferência aos documentos originais relativamente à bibliografia já editada, pelo que a esmagadora maioria da informação ora publicada é inédita e resulta da documentação primária, do acervo documental da própria Igreja Matriz.

Para o autor, a presente obra complementa a que lançou em Junho passado, relativo à História do Condado de Vila Nova de Portimão, uma vez que é impossível dissociar a história da igreja da história da cidade.

Nesta senda e no prefácio da obra, o Padre Mário de Sousa recorda que: “Foi para melhor conhecermos esta história que, nos últimos anos, começamos a digitalizar o bom acervo de documentos e manuscritos da Paróquia. No entanto, isto de pouco serviria se o seu conteúdo não fosse revelado.”

D. Manuel Quintas, Bispo do Algarve, diz que: “Estou certo de que a leitura desta obra ajudará os seus leitores, de modo particular os desta comunidade cristã, a desfrutar a riqueza do património de fé e de vida herdado dos seus antepassados, para que hoje, como seus herdeiros e pedras vivas da Igreja, possam testemunhá-la e transmiti-la a todos.”

Igreja Matriz de Portimão

Todo o produto da venda dos livros reverte para a Paróquia de Nossa Senhora da Conceição – Matriz de Portimão, tendo o autor elaborado a obra graciosamente e a Arandis Editora, que a publica, abdicado da sua margem de lucro. Nuno Campos Inácio tem a esperança de que a presente obra venha a contribuir para que seja criado o Museu de Arte Sacra de Portimão, expondo muito do património religioso do concelho, dignificando desse modo a magnífica história da Igreja e servindo de ponto de atracção para residentes e turistas.

Comentários

comentários