Jornal diariOnline Região Sul

Tradição do bolo-rei gigante volta a cumprir-se em Olhão no sábado

O «chef» Filipe Martins, proprietário da pastelaria e bombonaria Kubidoce, vai oferecer à população de Olhão um bolo-rei gigante de 120 metros, numa tradição que se cumpre mais uma vez amanhã sábado, 16.

A festa do bolo-rei gigante, que neste ano traz como inovação o facto de uma das receitas conter banana, começa cerca das 11:00 horas, junto ao largo da Restauração, juntando no centro nevrálgico de Olhão milhares de pessoas, tanto olhanenses como visitantes.

“Uma festa que já é de Olhão e não da Kubidoce”, salienta o «chef» pasteleiro Filipe Martins, que também inclui nos 120 metros de doce os bolos-reis tradicionais, como o escangalhado e o rainha, apresenta variações criativas, como o bolo-princesa de frutos vermelhos, ou o de frutos vermelhos, bagas goji, arandos e chocolate, mas também não esquece os já famosos bolos-reis de batata-doce com laranja confitada e amendoim, o de alfarroba com laranja, passas e amêndoa, representando os genuínos sabores do Algarve, o bolo-rei de chocolate branco com nozes e laranja, com chocolate negro, laranja, caju e amêndoa, ou o tradicional bolo-rei com frutas cristalizadas.

Para que a iniciativa se concretize, o «chef» estima utilizar mais de 160 quilos de farinha, 700 ovos, 40 quilos de açúcar, 60 quilos de chocolate branco, 60 quilos de chocolate negro, 350 quilos de frutas cristalizadas, amêndoas, nozes, pinhões, amendoins, avelãs, cajus, passas, frutos vermelhos, damascos, bagas goji, arandos, farinha de alfarroba e ainda 15 litros de aguardente, 25 litros de azeite, 25 litros de leite, 15 quilos de fermento e 70 quilos de batata-doce.

Comentários

comentários