Algarve regista novos recordes em várias áreas

Com mais de 18,5 milhões de dormidas, até novembro de 2017, os resultados recentemente divulgados pelo Instituto Nacional Estatístico (INE) mostram um crescimento consolidado por parte da hotelaria algarvia, registando um aumento de 5,4 por cento face ao mesmo período de 2016, pelo que com perto de quatro milhões de hóspedes, o crescimento homólogo é de 4,8 por cento.

No que a receitas da hotelaria diz respeito, continuam com crescimentos expressivos, ultrapassando os mil milhões de euros de proveitos globais até novembro, o que corresponde a um aumento de 13,1 por cento face aos primeiros onze meses do ano anterior.

Pub

Os dados do INE apontam, assim, para um final de ano com resultados históricos, efeito da diversificação da oferta turística que tornou a região mais sustentável durante todo o ano.

Desidério Silva - Presidente da RTA

«Os resultados divulgados antecipam mais um ano recorde para a região, fruto do excelente trabalho que todo o setor turístico está a desenvolver no Algarve. O destino consolida assim o seu crescimento de um modo sustentado e ao longo de todo o ano. Iremos continuar a investir em programas complementares ao Sol e Mar, como o programa «365 Algarve», o Cycling & Walking, o Turismo de Natureza e a Gastronomia e Vinhos, entre outros produtos, para fazer do Algarve um destino atrativo para os turistas nacionais e internacionais, durante todos os meses do ano» explica o presidente da Região de Turismo do Algarve, Desidério Silva.

Refere ainda a RTA em comunicado que, em novembro de 2017, o Algarve concentrou 20,8 por cento das dormidas em solo nacional, registando 652,9 mil dormidas (+3,8% face a novembro de 2016) e recebendo 151,6 mil hóspedes (+2,8%). Contrariando a tendência do país, a estada média no Algarve subiu ligeiramente, totalizando 4,31 noites. Ainda em novembro, cerca de 73,5 por cento dos hóspedes da hotelaria algarvia foram provenientes do estrangeiro. Embora se verifique um recuo do mercado britânico, o Reino Unido continua a ser o principal mercado emissor de hóspedes para o Algarve, seguido pela Alemanha, Espanha, França e Holanda.

 

Pub
Mais em Economia
Inflação atinge recorde de 8,1% na UE

Taxa de inflação homóloga da zona euro manteve-se estável nos 7,4% em abril, face a março, segundo informa o Eurostat.

Lagos recebeu empresários brasileiros com vista a futuras parcerias

A cidade de Lagos foi um dos pontos de passagem da delegação da missão ACIB…

Associação Empresarial de Sines e Porto de Luanda assinam protocolo

A Associação Empresarial de Sines (AES) e o Porto de Luanda assinaram um Protocolo de…

AHETA
AHETA e Aviludo firmaram parceria estratégica

A AHETA – Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve e a Aviludo firmaram uma parceria estratégica que visa reforçar a