Jornal diariOnline Região Sul

Ação de limpeza na Ilha Deserta recolheu 1400 kg de lixo

A ação de limpeza realizada ontem, domingo, na Ilha Deserta, que contou com a presença de 190 voluntários, levou à recolha de mais de 1400 kg de lixo ao longo de aproximadamente 5 km de costa (ria e mar).

A grande maioria do lixo estava associada a artes de pesca perdidas, como covos e outras armadilhas para polvos (que estavam muitas vezes enterradas), cabos, cordas, bóias, redes variadas, explicou a organização, em comunicado.

No entanto, outro tipo de lixo também estava presente, nomeadamente várias garrafas de plástico e vidro, roupa, uma bicicleta, uma churrasqueira ou uma arca congeladora, exemplificou a Straw Patrol.

“O lixo recolhido representa apenas uma pequena parte do que foi encontrado na Ilha Deserta. Muito lixo ficou ainda por recolher”, acrescentou a organização.

Para além dos resíduos recolhidos, foram ainda encontrados dois golfinhos e várias aves marinhas já mortas, informação encaminhada ao destacamento da Polícia Marítima de Faro.

A limpeza foi organizada pela Straw Patrol, em colaboração com a empresa marítimo-turística Animaris (que ofereceu o transporte dos voluntários para a Ilha) e o Núcleo de Estudantes de Biologia da Universidade do Algarve (NEBUA).



Comentários

comentários