Tempestade aproxima-se com muita chuva e ventos fortes já na segunda feira

Vêm aí 5 dias consecutivos de chuva severa em todo o país a partir do dia 26

De acordo com um comunicado do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) em que está previsto que uma "região depressionária com vários núcleos centrados a norte e/ou a noroeste dos arquipélagos dos Açores e da Madeira aos quais estão associados sistemas frontais, irá afetar o estado de tempo" em Portugal Continental na próxima semana, a partir de segunda feira dia 26.

Está prevista no âmbito desta situação meteorológica, a ocorrência de "precipitação contínua com início no dia 26 na região Sul, estendendo-se gradualmente às restantes regiões e que pode ser especialmente forte no dia 28", antevê o IPMA, podendo ocorrer também a queda de neve nos dia 27 e 28, inicialmente nos pontos mais altos da serra da Estrela, ou temporariamente a cota de 800 metros nas regiões Norte e Centro.
O vento irá soprar por vezes forte nas terras altas, no entanto, a partir do dia 28, o aumento da intensidade do vento será mais generalizado, predominando do quadrante sul com rajadas que poderão atingir 85 km/hora nas terras altas e 75 km/hora no litoral.

Pub

Por sua vez, a agitação marítima não irá aumentar significativamente na primeira parte da semana mas a direção das ondas passará a ser de sudoeste. É esparado um aumento da altura significativa das ondas a partir do dia 28.

Quanto as temperaturas, o IPMA prevê que as máximas vão descer 6 graus, situando-se então entre os 14ºC e 16ºC no litoral, e os 10ºC e 13ºC no interior .
As mínimas também vão sofrer alterações, na generalidade será 5ºC graus centígrados.
Nas terras altas, onde está previsto nevar, a espessura da neve onde a cota está acima dos 800 mts, poderá chegar aos 1000 ml.

Refira-se ainda que para além das condições atmosféricas piorarem em todo o país a partir do dia 26 (segunda feira), a atmosfera será afectada com céu muito nublado, forte instabilidade e dentro dela ocorrerão aguaceiros fortes acompanhados de trovoadas e, eventualmente, granizo.



Pub
Mais em Ambiente
Culatra
Protótipo de dessalinização não intrusiva para a Ilha da Culatra vence concurso

O projeto «Culatra2030 – Non intrusive water desalination», coordenado por investigadores do Centro de Investigação Marinha e Ambiental

Aspirante Geoparque apresenta “Plantas Invasoras” nas escolas de Albufeira

O aspirante Geoparque Algarvensis, constituído pelos municípios de Loulé, Silves e Albufeira, assina a ação…

Loulé: Conselho de Ação Climática com novas sinergias

Passados dois anos, o Conselho Local de Acompanhamento da Ação Climática do Município de Loulé,…

Loulé adere à “Semana das Espécies Invasoras”

De 22 de maio a 3 de junho, o Município de Loulé envolve-se na realização…