Jornal diariOnline Região Sul

Protocolo de colaboração visa dinamizar o projeto “Janela Única Logística”

«A cooperação transfronteiriça é fundamental para o desenvolvimento do corredor atlântico na rede transeuropeia de transportes», afirmou a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino.
A ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, presidiu ontem em Elvas, à cerimónia de assinatura de um Protocolo de Colaboração entre as entidades dinamizadoras da "Janela Única Logística", projeto que tem como objetivo criar uma nova versão do modelo de referência nacional dos sistemas de gestão portuária, criando uma nova geração de software que será alargada a todos os meios de transporte e operações logísticas.
Ana Paula Vitorino acrescentou que este projeto permite "ligar os portos do sul de Portugal à Península Ibérica, ao sudoeste europeu e ao resto da Europa", pelo que este encontro merece "particular relevância".
Refira-se que estas declarações foram proferidas em Elvas, na assinatura das conclusões do encontro de logística transfronteiriça, com o presidente do Governo Regional da Extremadura, Guillermo Fernández Vara e o presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha.
De acordo com o Programa do Governo, está prevista a implementação da "Janela Única Logística" enquanto projeto estratégico e transversal visando o aumento da competitividade da rede de portos comerciais do continente, no horizonte de 2026.
Integram este protocolo a Direção Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, a Administração do Porto de Lisboa, a Administração dos Portos de Sines e do Algarve, a Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, e as entidades responsáveis pela dinamização da Plataforma Logística de Elvas, nomeadamente a Câmara Municipal de Elvas e a Trânsitos de Extremadura (Transitex).

Comentários

comentários