Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Carlos Fernandes suplantou Fernando Peres no Rally de Vila do Bispo

Carlos Fernandes em acção na Super Especial (Foto: Zé Miguel MotorSport Photography)

João Monteiro foi o mais rápido nas Duas Rodas Motrizes

Depois da liderança obtida na Super Especial disputada ontem em noite nas ruas de Vila do Bispo, nas especiais realizadas hoje, Fernando Peres (Mitsubishi Lancer EVO IX) não conseguiu superar o andamento imposto por Carlos Fernandes (Mitsubishi Lancer EVO VI), que venceu o Rally de Vila do Bispo, primeira prova do Campeonato Sul de Rallyes 2018.

Carlos Fernandes começou por vencer a primeira especial disputada hoje e passar para a liderança da prova organizada pelo Clube Automóvel do Sul, não mais deixando essa posição, apesar de Fernando Peres ter tentado superá-lo, mas sem êxito, sendo no entanto de realçar que das cinco especiais disputadas hoje, Fernandes venceu três e Peres duas, acabando por o primeiro finalizar a prova com uma vantagem de 10,5s, o que espelha a luta sem quartel que aconteceu ao logo da prova.

Carlos Martins (Mitsubishi Lancer EVO X) também esteve envolvido nesta luta, tendo inclusive chegado a ocupar o segundo lugar da geral, mas na ponta final da prova Peres forçou o andamento e acabou por relegar Martins para o degrau mais baixo do pódio, ficando a mais de três dezenas de segundos do seu antecessor.

Márcio Marreiros, Campeão Regional Sul em título, não conseguiu ir além do 4º posto, ficando a mais de 50 segundos do vencedor, mas apenas a 9,5s de Martins, dados que espelham a competitividade existente na prova algarvia.

Longe de se envolver nas contendas da frente da prova, já que se estreava aos comandos de uma máquina 4x4, ficou Paulo Santos (Mitsubishi Lancer EVO VI), com mais 1,30,0s que o 4º classificado, fechando assim o top-five.

Luís Mota (Mitsubishi Lancer EVO VI), que já foi campeão do Regional Sul, terminou na 6ª posição a 16,9s de Paulo Santos, relegando para a posição seguinte Ricardo Filipe (Mitsubishi Lancer EVO VI) que gastou mais 9,5s que o piloto do Cartaxo.

João Bica (Mitsubishi Lancer EVO IX), terminou no 8º lugar com mais 14,4s que Filipe e com menos 7,1s que Daniel Guerra (Subaru Impreza), o que espelha bem a competitividade existente não só na luta pelos primeiros lugares mas também para as posições intermédias.

Luís Nunes (Mitsubishi Lancer EVO IX) terminou a prova a 57s do 9º classificando, fechando assim o top-ten.

Uma palavra para o vencedor das Duas Rodas Motrizes, João Monteiro (Peugeot 206 Gti) que finalizou a prova no 16º posto da classificação geral, ficando o adversário directo na categoria, Ricardo Sousa (Peugeot 206) a mais de 7 minutos de distância.

João Monteiro (Foto: Zé Miguel MotorSport Photography)

A próxima prova do Campeonato Sul de Rallyes é o Rally de Loulé, que se realiza dias 2 e 3 de Junho, organizado pelo Clube Automóvel do Algarve, prova que se espera mantenha a quantidade de participantes, mais de três dezenas.



Exit mobile version