Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Farense inicia «playoff» da subida com vitória em Felgueiras

(Foto: Jorge Silva/Facebook)

O Farense venceu hoje o Felgueiras 1932 no terreno do adversário, por 3-2, em jogo da primeira mão da primeira ronda do «playoff» de subida à II Liga.

Com golos de Jorginho, Neca e Nuno Borges, contra tentos de Patrick e Zé Pedro, a equipa de Faro ganhou vantagem na eliminatória, recebendo o conjunto de Ricardo Sousa para a segunda mão no próximo domingo, 13, às 17:00 horas, no Estádio de São Luís, na capital algarvia.

No embate entre os vencedores das séries B e E da fase regular do Campeonato de Portugal, o ponta de lança Patrick abriu o marcador aos 15 minutos, exibindo a eficácia dos locais na primeira ocasião de uma partida equilibrada nos minutos iniciais.

O Farense respondeu bem à desvantagem e esteve à beira de marcar, por duas vezes, antes de Jorginho assinar o empate, à passagem da meia hora.

O equilíbrio manteve-se até ao intervalo e, já no segundo tempo, o Felgueiras 1932 assumiu o domínio, não conseguindo aproveitar algumas oportunidades para mexer no marcador.

O conjunto de Rui Duarte colocou-se em vantagem com um remate de Neca de fora da área, aos 79 minutos, mas o Felgueiras respondeu pouco depois com o empate, num «tiro» de Zé Pedro.

Em ritmo de parada e resposta, o Farense voltou a colocar-se por cima no jogo, com um golo de Nuno Borges, segurando o triunfo até ao apito final.

O treinador do Farense, Rui Duarte, mostrou-se orgulhoso com a prestação dos seus jogadores mas lembrou que a eliminatória ainda vai a meio.

“Foi uma vitória justa, mas não acabou, [a eliminatória] está a meio e temos uma vantagem de um golo. Vamos ter de trabalhar muito no segundo jogo para seguir em frente, porque ficou provado que as duas equipas são fortes”, disse o técnico, em declarações à Rádio Felgueiras.

Rui Duarte salientou que a sua equipa foi superior na primeira parte e respondeu ao ascendente felgueirense no segundo tempo. “Na primeira parte fomos superiores, embora não tenhamos entrado bem. A seguir ao golo, conseguimos reagir e implementar o nosso futebol. A segunda parte mostrou a qualidade do Felgueiras, mas aos poucos fomo-nos libertando e terminámos o jogo com dois golos. Tínhamos como estratégia fazer golos fora e fizemos três”, comentou.

O vencedor desta eliminatória defrontará depois, nas meias-finais do «playoff», quem triunfar no duelo entre Vilafranquense e Vizela. Na primeira mão, este domingo, o Vizela venceu em Vila Franca de Xira, por 1-0.



Exit mobile version