Jornal diariOnline Região Sul

O melhor do Novo Cinema Italiano em Loulé

Algumas das mais recentes obras dos grandes autores do cinema italiano, numa viagem por filmes que marcaram presença em alguns dos mais importantes festivais de cinema internacionais e que despertaram o interesse do público e da crítica – eis o que o Cine-Teatro Louletano propõe entre 18 e 20 de maio.

Trata-se da 11.ª edição da Festa do Cinema Italiano que, pelo quinto ano consecutivo, acontece em Loulé e um pouco por todo o país. Durante o fim de semana haverá também propostas paralelas ligadas à língua e gastronomia de Itália.

O Cine-Teatro, entidade parceira do evento, espera trazer ao seu público um momento de encontro e de descoberta que possa aproximar dois países e duas culturas com muitas afinidades.

E porque o melhor de Itália passa também pela gastronomia, nos três dias do Festival, pelas 19h00, acontece no bar do Cine-Teatro Louletano o Cine-Jantar, um encontro e um momento em que assumidamente se experiencia a ligação direta entre a sétima arte e os sabores italianos. É uma oportunidade para apreciar as especialidades de conceituados chefs. O jantar, no valor de 15 euros, far-se-á mediante inscrição prévia até ao dia 17 de maio através do telefone 289 414 604 (terça a sexta-feira, das 13h00 às 18h00) ou pelo email cinereservas@cm-loule.pt

“The Place” é a primeira das sessões cinematográficas agendada para as 21h00 de sexta-feira, 18 de maio, mas a Festa do Cinema Italiano não é feita só de longas-metragens. Especialmente no sábado, dia 19 de maio, pelas 15h30, haverá um momento dedicado às curtas de autores italianos, numa amostra do que melhor se fez neste formato em 2017 e faz em 2018. Assim, “The Millionairs”, “La Giornata”, “Mon Amour Mon Ami” e “Bismillah” incluirão a rubrica “El Corto”.

No mesmo dia, pelas 17h00, será exibido no grande ecrã “Botticelli – Inferno”, desta feita um documentário, e pelas 21h00 “In Guerra Per Amore”. No domingo, dia 20, às 17h00, exibe-se outro documentário, “Raffaello – Il Principe Delle Arti”.

A Festa do Cinema Italiano é uma oportunidade para conhecer a produção recente da cinematografia italiana, mas também para revisitar clássicos que marcaram gerações. É o caso de “Nuovo Cinema Paradiso” (“Cinema Paraíso”) (1988), de Giuseppe Tornatore, que o festival apresenta no âmbito da comemoração do seu 30.º aniversário. “Cinema Paraíso”, este marco da história do cinema e um dos filmes italianos mais conhecidos e amados, será exibido no dia 20 de maio às 21h00.

As sessões cinematográficas têm um custo associado por pessoa de 3 euros.

E para os que sempre quiseram aprender italiano mas nunca tiveram coragem para começar, a Festa do Cinema Italiano propõe um workshop gratuito de língua e cultura italiana, pelas 15h30, e avisa: “Os requisitos são, apenas, a boa disposição e a vontade de aprender”, sendo que a inscrição prévia deve ser feita até ao dia 17 de maio.

Para mais informações e reservas os interessados podem contactar o Cine-Teatro Louletano pelo telefone 289 414 604 (terça a sexta-feira, das 13h00 às 18h00) ou por email.

Programa

18 maio

19h00 – CINE-JANTAR

21h00 – The Place, de Paolo Genovese, 105'

19 maio

15h30 – Il Corto (The Millionairs; La giornata; Mon amour mon ami; Bismillah), 54’

17h00 – Botticelli – Inferno, de Ralph Loop, 96'

19h00 – CINE-JANTAR

21h00 – In guerra per amore (Em guerra por amor), de Pierfrancesco Diliberto (Pif), 90'

20 maio

15h30 – Aula de Italiano

17h00 – Raffaello – Il Principe delle Arti, de Luca Viotto, 90'

19h00 – CINE-JANTAR

21h00 – Cinema Paraíso, de Giuseppe Tornatore, 124'



Comentários

comentários