Jornal diariOnline Região Sul

Artes de pesca apreendidas em Faro

A Unidade de Controlo Costeiro da Guarda Nacional Republicana, através do Subdestacamento de Olhão, ontem, dia 25 de julho, em Faro, apreendeu 115 covos e cerca de 2 mil metros de linhas de pescas, que constituíam uma arte de pesca não identificada e ilegal.

A apreensão decorreu no seguimento de uma ação de patrulhamento marítimo na costa, após visualização de um garrafão que sinalizava a arte de pesca, sem o nome nem o conjunto de identificação da embarcação à qual pertencia.

Foram ainda apreendidos cerca de 15 quilos de polvo e dois quilos de mucharra, que se encontravam nos covos da referida arte, que, por se encontrar em condições de ser consumido, foi doado a instituições locais de solidariedade social.



Comentários

comentários