Campanha “Amigos na Demência” lançada em praias algarvias

A Associação Alzheimer Portugal lança hoje, 30 de julho, Dia Internacional da Amizade, a campanha “Amigos na Demência”, uma iniciativa integrada no movimento global “Dementia Friends”, implementado em 17 países em todo o mundo.

O principal objetivo desta campanha consiste em aumentar a compreensão sobre a demência no nosso país e convidar todos os cidadãos a comprometerem-se ativamente na melhoria do dia a dia das pessoas com demência.

Pub

Para assinalar o lançamento desta iniciativa, a Alzheimer Portugal realizou durante o dia de hoje uma ação de sensibilização na Praia da Rocha Baixinha, em Albufeira, e na Praia da Rocha, em Portimão, onde colaboradores e voluntários da associação terão a missão de convidar as pessoas a tornarem-se Amigos na Demência. Para além destes, outros 19 locais do país vão acolher ações semelhantes.

«Combater o desconhecimento e o estigma associados à demência é fundamental, assim como aumentar o nível de consciencialização sobre a demência em Portugal. Queremos ajudar os portugueses a compreenderem como é que a demência afeta as pessoas e contribuir para alterar comportamentos que tornem a sociedade mais amiga das pessoas com demência», diz José Carreira, Presidente da Alzheimer Portugal.

E acrescenta, «esta realidade impele-nos a mudar a forma como pensamos, agimos e falamos sobre a demência e a convidar todos os cidadãos a tornarem-se Amigos na Demência».

Qualquer pessoa, de qualquer idade, pode ser Amigo na Demência. Para tal, basta aceder ao site da campanha www.amigosnademencia.org, registar-se, visionar o vídeo para aprender um pouco mais sobre a demência e, de seguida, comprometer-se com uma ação, preenchendo o formulário de compromisso.

«Ser Amigo é aprender um pouco mais sobre a demência e transformar essa aprendizagem em ação. Estas ações podem ser tão simples como não usar as expressões 'demente' ou 'demenciado' quando nos referimos a uma pessoa com demência, consciencializar os nossos familiares e amigos sobre os desafios que as pessoas com demência enfrentam, ou incentivá-los a tornarem-se Amigos na Demência. Qualquer ação, pequena ou grande, pode fazer a diferença no dia de qualquer pessoa». explica Tatiana Nunes, Coordenadora do Departamento de Relações Públicas.

“É importante que se compreenda que apesar de afetar sobretudo as pessoas mais velhas, a demência não faz parte do envelhecimento normal e é causada por alterações do cérebro. Como qualquer órgão do nosso corpo, o cérebro também pode ser afetado por doenças. Quanto aos principais sintomas, também é importante frisar que a demência não se resume à perda de memória”, refere Catarina Alvarez, Psicóloga e Coordenadora de Projetos da Alzheimer Portugal.

A campanha “Amigos na Demência” assume-se como uma iniciativa positiva e inclusiva, que pretende demonstrar que é possível viver melhor com demência e que a pessoa é muito mais do que a demência.

Pub

Saliente-se que esta campanha conta com o Alto Patrocínio da Presidência da República e o apoio de um conjunto alargado de parceiros de referência.

Com esta campanha, a Associação pretende também dar resposta aos mais recentes apelos internacionais para que se desenvolvam iniciativas que contribuam para Sociedades Amigas das Pessoas com Demência. O “Plano de Ação Global de Resposta da Saúde Pública à Demência 2017-2025” da Organização Mundial da Saúde contém sete linhas de ação, sendo que a segunda linha trata da consciencialização sobre a demência e “friendliness”.

No que respeita ao enquadramento europeu, sublinham-se os resultados do “European Dementia Monitor 2017” da Alzheimer Europe, em que Portugal apresenta pontuação zero quanto à inclusão e às iniciativas amigas das pessoas com demência, pelo facto de não ter implementado qualquer ação desta natureza até à data.



Pub
Mais em Saúde
Varíola dos macacos: Dinamarca e França avançam vacinação

As autoridades de saúde francesas recomendaram esta terça-feira o início da vacinação dos contactos de…

Argentina perante o primeiro caso suspeito de varíola dos macacos

Nenhum caso positivo confirmado da doença foi registado na América Latina até ao momento O…

Portugal é o primeiro país a sequenciar genoma do Monkeypox

Vírus está na origem de um recente surto que afeta vários países onde a infeção…

Monkeypox
Novos casos confirmados do vírus Monkeypox chegam ao Algarve

O número de casos confirmados do vírus Monkeypox subiu hoje para 37, distribuídos pelas regiões de Lisboa e Vale do Tejo, Norte e Algarve,