Jornal diariOnline Região Sul

Maioria das infrações é por excesso de velocidade – GNR

De acordo com o comunicado da Guarda Nacional Republicana (GNR), na última semana, de 24 a 30 de agosto, a maioria das infrações detetadas foi por excesso de velocidade, tendo em concreto sido registadas 4.637 infrações.

A GNR informa que entre as 10.376 infrações detetadas, destacando-se ainda 443 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 402 por falta de inspeção periódica obrigatória, 339 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização, 295 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 279 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 274 relacionadas com tacógrafos e 190 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

Durantye o mesmo período a força de segurança nacional deteve 399 pessoas em flagrante delito, sendo 179 por condução sob o efeito do álcool, 71 por condução sem habilitação legal, 42 por tráfico de estupefacientes, 11 por posse ilegal de arma e/ou arma proibida, 5 por violência doméstica, 5 por furto, 2 por incêndio florestal, 1 por contrafação, 1 por ameaças e coação, 1 por falsificação de documentos e 1 por roubo.

A GNR apreendeu 1.540 doses de anfetaminas, 1.208 doses de liamba, 1.019 doses de haxixe, 121 doses de heroína, 99 pés de cannabis, 77 doses de cocaína, 7 armas de fogo, 5 armas brancas, 56 munições de diversos calibres, 623 artigos contrafeitos, 505 quilos de pescado, 8.410 quilos de bivalves e 189 euros em numerário.



Comentários

comentários