Jornal diariOnline Região Sul

Excesso de velocidade continua a liderar infrações detetadas pela GNR

De acordo com o comunicado da Guarda Nacional Republicana (GNR), o excesso de velocidade continua a ser a infração mais detetada, tendo na última semana, de 31 de agosto a 6 de setembro, sido detetadas 3.781 infrações.

Segundo a mesma missiva, no período referido foram também detetadas 437 infrações por falta de inspeção periódica obrigatória, 323 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 306 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização, 279 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 275 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 243 relacionadas com tacógrafos e 176 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

A GNR deteve 398 pessoas em flagrante delito, destacando-se 153 por condução sob o efeito do álcool, 73 por condução sem habilitação legal, 54 por tráfico de estupefacientes, 18 por posse ilegal de arma e/ou arma proibida, 15 por furto, 8 por violência doméstica, 4 por roubos, 1 por invasão de recinto desportivo, 1 por ofensas à integridade física e 1 por falsificação de nota.

Foram apreendidas 2.082 doses de folhas de cannabis, 854 doses de haxixe, 460 doses de liamba, 369 pés/plantas de cannabis, 28 doses de cocaína, 17 doses de anfetaminas, 14 doses de heroína, 9 doses de óleo de cannabis, 25 armas de fogo, 13 armas brancas, 296 munições de diversos calibres, 9 veículos, 954 artigos contrafeitos, 794 quilos de pescado e 1.665 euros em numerário.



Comentários

comentários