Jornal diariOnline Região Sul

Mundiais inéditos atraem os melhores windsurfistas a Portimão

É sob um conceito diferente que se irão realizar os Campeonatos do Mundo de Windsurf em Portimão, entre 15 e 23 de setembro de 2018. No mesmo evento e no mesmo plano de água vão-se decidir 3 titulos mundiais de Windsurf. 

A nata do windsurf mundial nas 3 classes de topo - Formula Windsurfing, Raceboard e Formula Foil - vai dar espectáculo nas águas da Praia da Rocha.

Mais de 100 atletas de 17 paises irão participar nestes mundiais ‘multi-classes’, atraidos pela dimensão do evento e pelas excelentes condições proporcionadas por esta zona da costa algarvia.

A organização está a cargo do Clube Naval de Portimão, em parceria com o Município de Portimão, que decidiu reunir as 3 classes no mesmo campeonato. Segundo Miguel Martinho «a ideia foi dar maior visibilidade ao evento e também maior dimensão».

A ideia não é totalmente original , foi experimentada uma única vez, em 1992, na Austrália. Miguel Martinho, que é também um dos melhores windsurfistas portugueses de sempre, participou nesse evento e adorou o conceito de juntar toda a ‘massa’ do windsurf.

Mesmo sem reunirem todas as classes do Windsurf – são 9 – os Mundiais de Portimão já asseguraram um lugar na história desta modalidade.

Pela primeira vez irá realizar-se um Campeonato do Mundo Absoluto de Formula Foil, classe que pretende tornar-se olimpica a partir dos Jogos de Paris em 2024.

Como em Portimão decorrerá o 1º mundial da classe, o Comité Olimpico já confirmou presença no evento para proceder a observações que servirão de base à decisão final.

Em 8 dias de provas, serão muitas as estrelas mundiais do Windsurf que estarão em ação.

Das 3 classes teremos atuais campeões do mundo, campeões da europa, medalhados olimpicos e figuras incontornáveis como o português João Rodrigues, detentor de um currículo impressionante e que aos 46 anos acabou de se sagrar campeão do mundo na classe Raceboard. O próprio Miguel Martinho, campeão nacional de Formula Windsurfing pela vigésima vez e possuidor de um palmarés inigualável, é um dos favoritos para a conquista do titulo mundial na classe.

Em relação ao impacto que a realização destes campeonatos poderá ter em Portugal, a Organização considera que «esta é a grande oportunidade para exibir as excelentes condições naturais que temos para a prática da modalidade e também para mostrar às novas gerações que existem todas estas disciplinas aliciantes, que devem experimentar e aventurar-se a sair de casa!».

A partir do dia 15 e até dia 23 de setembro, o horizonte de Portimão vai-se encher de velas, proporcionando um espectáculo único aos muitos veraneantes que ainda enchem os areias da praia da Rocha.

A organização dos Campeonatos do Mundo de Windsurf de Portimão pertence ao Clube Naval de Portimão, em parceria com a CM Portimão. O evento conta ainda com o apoio da Federação Portuguesa de Vela e com os patrocinios da Starboard e Starsul.


Comentários

comentários