Jornal diariOnline Região Sul

Conservatório de Loulé recebe o nome de Francisco Rosado, foi inaugurado pelo Primeiro-ministro

Sociedade Filarmónica Artistas de Minerva passa a ter a sua sede no edifício do antigo Solar da Música Nova

Espaço pequeno para intervenientes, convidados e jornalistas, foi o que se constatou na inauguração do Conservatório de Música de Loulé, inaugurado esta manhã pelo Primeiro-Ministro, António Costa, coadjuvado pelo Ministro e Secretários de Estado da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, João Costa e Alexandra Leitão, cuja comitiva foi recebida pelo presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vítor Aleixo, bem como pelo restante executivo municipal e demais convidados.

Após a chegada em ponto às instalações do edifício conhecido por Solar da Música Nova, agora renovado e intitulado Conservatório de Música de Loulé, descerrada que foi a placa, António Costa, bem como toda a comitiva, visitou a quase totalidade das salas, já com alunos a estudar, cuja visita culminou com os discursos na sala de ensaio da Sociedade Filarmónica Artistas de Minerva, onde passa a ter a sua sede, cuja entrada é pela na Rua do Serradinho.

Vítor Aleixo, feliz pelo acontecimento, no seu discurso recuperou um pouco da história sobre o edifício agora reabilitado, realçando que o Conservatório de Música de Loulé terá o nome de Francisco Rosado e explicou porquê. O edil louletano exaltou a dedicação de todos os intervenientes, diretos e indiretos, para que a obra ficasse concluída, em tempo record (menos de seis meses). Vítor Aleixo fez ainda referência a Manuel Rocha, que vai chefiar o Conservatório, desempenhando a função de presidente da Comissão Administrativa Provisória. Terminou com uma quadra do seu avô e poeta, António Aleixo.

Com um "expressivo" investimento de cerca de 2,8 milhões, Vítor Aleixo vê "a aposta na educação como uma ferramenta estratégica para passar o conhecimento e o saber". A autarquia louletana avançou com o dinheiro para as obras, enquanto que no que concerne à colocação de docentes e parte administrativa foi da responsabilidade do Ministério da Educação.

Manuel Rocha, presidente da Comissão Administrativa Provisória do Conservatório de Loulé

Manuel Rocha, o antigo diretor do Conservatório de Coimbra, agora presidente da Comissão Administrativa Provisória, lembrou que "a música também é pão", sendo uma arte que "goza de particulares privilégios nos gostos das pessoas". Dado ser do ensino público, mais do que "prestadora de serviços, esta escola é titular de uma missão", referiu.

Tiago Brandão Rodrigues, Ministro da Educação, disse que o dia é de festa, pois foi inaugurada a única escola pública só de ensino de Música a Sul de Lisboa, sendo certo que o Conservatório vem também ajudar à coesão territorial e social. "Que esta comunidade nunca deixe que, quem tenha responsabilidades, diga que o ensino artístico, que a música, que as artes, são laterais, porque são centrais", concluiu.

Iniciado hoje o ano letivo 2018/2019, no Conservatório de Loulé, será lecionado o ensino público especializado de música ao 2º e 3º ciclos e até ao secundário. Por agora o Conservatório vai acolher 300 alunos de escolas, não só da cidade de Loulé, como de todo o concelho. No total, vão ser 15 salas dedicadas ao Conservatório, mais três para a Banda, além de um grande auditório.

António Costa começou por dizer que foi com particular gosto que marcou presença nesta inauguração e explicou. Mais adiante o Primeiro-ministro falou sobre o que vai marcar este ano letivo, bem como falou sobre a mudança de Educação Especial para Educação Inclusiva. A dada altura do discurso, António Costa referiu que "O primeiro dia de um novo ano letivo é, necessariamente, um dia de festa e não há festa sem música. Por isso, nada melhor do que esta dupla inauguração: a do Conservatório de Música de Loulé e da nova sede da Sociedade Filarmónica Artistas de Minerva", disse, com um sorriso nos lábios, António Costa.

Saliente-se que, tendo em conta que uma escola tem regras para visitas, até sábado, 15 de Setembro, mesmo quem não for estudante, vai poder fazer visitas guiadas ao reabilitado Solar da Música Nova, agora intitulado Conservatório de Música de Loulé - Francisco Rosado.



Comentários

comentários