(Foto de Arquivo)

Comemorações das Jornadas Europeias do Património em Faro destacam Ermida de Santo António do Alto

A Ermida de Santo António do Alto, em Faro, vai estar no centro das atenções durante as comemorações concelhias das Jornadas Europeias do Património, que têm lugar de 28 a 30 de setembro, sob o mote «Partilhar Memórias».

O município de Faro associa-se novamente à iniciativa, num programa que arranca na sexta-feira, 28, com uma atividade dinamizada pelo serviço educativo do Museu Regional, com o objetivo de partilhar junto dos mais novos as memórias do tempos de meninice de Altina Manhita, na Ermida de Santo António do Alto, espaço muito dado a namoriscos e casamentos.

Pub

Esta igreja recebe ainda, às 17:00 horas, uma missa celebrada pelo Padre Rui Barros.

No sábado, 29, pelas 16:00, realiza-se uma visita guiada com Francisco Lameira, historiador de arte e professor na Universidade do Algarve, que dará a conhecer a história e a decoração artística deste antigo monumento.

Pelas 17:00, o interior da ermida receberá um concerto único com Ricardo Martins e Trio.

À noite, a partir das 21:30, uma seleção de curtas-metragens do Cineclube de Faro, todas dedicadas a Santo António, será apresentada junto à igreja.

Pub

As comemorações das Jornadas Europeias do Património têm o seu desfecho no domingo, 30, com novo concerto, pelas 16:00, desta feita em flauta de bisel pelo grupo F3, que promete trazer um reportório surpreendente.

Luís Carmelo, conhecido contador de histórias, termina o programa a partir das 17:00 com muitas memórias e viagens pelo imaginário.

Associado à iniciativa JEP desde a sua criação, o Município de Faro, através do Museu Municipal, tem procurado diversificar a sua participação, de modo a promover, em cada ano, diferentes olhares sobre o património nas suas diversas formas.

A antiga Ermida de Santo António do Alto é, para além de um dos monumentos mais carismáticos da cidade, um dos templos mais antigos, remontando à segunda metade do século XV.

O seu miradouro, com uma vista privilegiada sobre a ria, faz dele um dos cartões turísticos mais procurados da cidade.

Pub

Este monumento, pertencente ao património da autarquia, sofreu importantes transformações no século XVIII pelo famoso arquiteto Diogo Tavares e pelo entalhador Manuel Martins. Recebeu a visita real no século XIX e no século XX instalou numas casas anexas o museu antonino.

A entrada é livre para todas as iniciativas, sujeita à lotação do espaço da ermida. Para mais informações e inscrições, está disponível o contacto 289870827.



Pub
Mais em Sociedade
PCP assinala no Algarve centenário de José Saramago

O PCP vai promover, durante o ano de 2022, no Algarve, diversas iniciativas inseridas no âmbito das comemorações do centenário do nascimento

A DECO INFORMA; “Crédito de baixo consumo e riscos para o orçamento familiar”

O crédito ao consumo continua a ser um produto muito importante para os consumidores, para permitir efetuar uma compra ou até pagar uma

GNR apreende mais de uma tonelada de sardinhas em Portimão

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Portimão, apreendeu ontem, quinta-feira,

Autarquia volta a promover iniciativa “Faro Jovem”

Após interregno desde 2016, mostra associativa do concelho assinala este ano a sexta edição com…