Luís Capoulas Santos - Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural

Ministério de Capoulas Santos com mais de 2 milhões de euros em 2019

No próximo ano, o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural disporá de recursos financeiros superiores a 2 milhões de euros em prol dos setores tutelados: a agricultura e a floresta.

Para apoiar a produção, a agro-indústria, as organizações agrícolas e o desenvolvimento rural estarão disponíveis 1.362 milhões de euros de fundos públicos, 699 dos quais integralmente financiados pela União Europeia e 663 milhões de euros apoiados com cofinanciamento nacional.

Pub

Para o financiamento e atividades do Ministério da Agricultura estarão disponíveis 657 milhões de euros, repartidos entre as 9 Direções Gerais ou equiparadas, os 7 Fundos e Serviços Autónomos tutelados e a EDIA, Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas de Alqueva.

A estes montantes somam-se os orçamentos das empresas e cooperativa de interesse público tuteladas que se encontram fora do perímetro orçamental: a Companhia das Lezírias, a Florestgal, a Parques de Sintra - Monte da Lua e a Tapada Nacional de Mafra. Acresce ainda a dotação financeira resultado do empréstimo do Banco Europeu de Investimento, para financiar parte do Programa Nacional de Regadios.

Pub
Mais em Economia
Silves aprovou candidaturas PAHAB e PARJPI

A Câmara Municipal de Silves aprovou, nas reuniões do executivo, as candidaturas para atribuição de apoio financeiro à reabilitação urbana.

Porto de Sines esteve na Assembleia do Projeto PLANET

A Comunidade Portuária e Logística de Sines participou na primeira Assembleia presencial do #PLANETproject. A reunião teve lugar em Valência.

JYSK renova a sua loja em Albufeira

Esta reabertura da JSYK, a gigante dinamarquesa, faz parte do objetivo de renovação das suas lojas com o novo conceito 3.0, que será

Procura por veículos elétricos continua a crescer face ao ano passado

Com uma dinâmica de mercado de 3% em abril, verifica-se uma diminuição geral de -20% da procura e de -24% na oferta de veículos usados, face