Mulher de Albufeira que alegava ter cancro para receber dinheiro foi detida

Uma mulher de Albufeira suspeita de ter, ao longo de anos, angariado quantias com a falsa alegação de ter uma doença oncológica e de precisar de dinheiro para tratamento, foi detida hoje, terça-feira, por ordem do Ministério Público (MP).

De acordo com o MP, os factos são suscetíveis de constituir crime de burla qualificada.

Pub

O inquérito é dirigido pela secção de Albufeira do DIAP de Faro, coadjuvado pela Guarda Nacional Republicana.

A detida será apresentada ao juiz de instrução competente, para interrogatório e aplicação de medidas de coação.



Pub
Mais em Sociedade
PCP assinala no Algarve centenário de José Saramago

O PCP vai promover, durante o ano de 2022, no Algarve, diversas iniciativas inseridas no âmbito das comemorações do centenário do nascimento

A DECO INFORMA; “Crédito de baixo consumo e riscos para o orçamento familiar”

O crédito ao consumo continua a ser um produto muito importante para os consumidores, para permitir efetuar uma compra ou até pagar uma

GNR apreende mais de uma tonelada de sardinhas em Portimão

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Portimão, apreendeu ontem, quinta-feira,

Autarquia volta a promover iniciativa “Faro Jovem”

Após interregno desde 2016, mostra associativa do concelho assinala este ano a sexta edição com…