Polícia Marítima de Olhão apreende arte de pesca com cerca de 400 metros 

O comando da Polícia Marítima de Olhão detetou e apreendeu, na passada segunda-feira, uma rede de tresmalho com cerca de 400 metros de comprimento, indevidamente identificada e sinalizada na Ria Formosa.

A apreensão ocorreu no âmbito da atividade de fiscalização da pesca. A arte de pesca ilegal, uma rede de tresmalho com 13 panos, constituía um perigo para a navegação local.

Pub

De acordo com a PM, o dono da arte de pesca em questão, ao aperceber-se da sua falta, deslocou-se ao comando-local, para efetuar o pagamento voluntário da coima.

Esta infração incorre numa contraordenação prevista e punível, com coima a graduar de 149,64 a 4.987,98 euros.

O comando-local da Polícia Marítima de Olhão tem desenvolvido este tipo de ações de fiscalização e de recolha de artes ilegais ou não sinalizadas no Parque Natural da Ria Formosa, visando a proteção dos ecossistemas e o combate à pesca ilegal.



Pub
Mais em Sociedade
UAlg
Cursos de Verão da UAlg voltam em julho e já têm inscrições abertas

Os Cursos de Verão da Universidade do Algarve (UAlg), com várias atividades programadas, estão de volta em formato presencial no

IPDJ
IPDJ comemora 31.º aniversário do Centro de Juventude no Algarve

A Direção Regional do Algarve do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) vai…

Ferrovia
Tertúlia Farense debate papel da ferrovia no Algarve

«O Papel da Ferrovia nas Acessibilidades e Mobilidade no Algarve» é o tema deste mês da Tertúlia Farense, cuja sessão está marcada para

Ministro
Ministro da Administração Interna visita São Brás e Alcoutim

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, visita, na próxima segunda-feira, 23, os projetos que estão a ser desenvolvidos no