Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

CTT enviaram 70 toneladas de donativos para Moçambique

Os CTT – Correios de Portugal, enviaram para Moçambique cerca de 70 toneladas de donativos dos portugueses recolhidos nas 538 lojas da empresa espalhadas pelo país.

Com a passagem do ciclone Idai, em março, e do ciclone Kenneth, em abril, milhares de moçambicanos foram afetados pelas cheias.

Os CTT, no âmbito da política de sustentabilidade e responsabilidade social da Empresa, disponibilizaram 200 mil embalagens solidárias na iniciativa «Feito de Esperança», para o envio de roupas para Moçambique, em parceria com os Correios de Moçambique.

“A adesão dos portugueses foi estrondosa e a enorme manifestação de solidariedade levou a que, em menos de 24 horas, fosse atingido o objetivo definido com os Correios de Moçambique”, refere a empresa, em comunicado.

Os CTT estiveram durante as últimas semanas a operacionalizar o envio dos donativos dos portugueses.

Cerca de 1,5 toneladas seguiram de avião e o restante foi enviado via marítima. Ao todo, chegaram a Moçambique oito contentores de donativos, o que representa um total de cerca de 70 toneladas de roupa doada pelos portugueses.

Os donativos dos portugueses foram recebidos em Moçambique pelos Correios de Moçambique, parceiros da iniciativa, e encaminhados para o Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC), para posterior redistribuição pelas vítimas do ciclone.

Esta operação nacional teve também o acompanhamento da Embaixada de Moçambique.



Exit mobile version