Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Faro: PAN anuncia acordo com executivo para medidas sociais, ambientais e de bem-estar animal

O PAN – Pessoas-Animais-Natureza anunciou hoje ter chegado a um acordo com a Câmara Municipal de Faro para serem implementadas várias medidas de carácter social, ambiental e de bem-estar animal, na maioria até abril do próximo ano.

“Com este entendimento, reafirmamos a posição do PAN enquanto partido responsável, com capacidade de influenciar positivamente a governação local”, salientou, em comunicado, Paulo Batista, membro da assembleia municipal de Faro e comissário político distrital da força política.

O acordo, prosseguiu, “reforça a confiança depositada em quem votou” no PAN e que “revê nesta postura de diálogo construtivo a melhor forma de defender e implementar o máximo de medidas previstas no programa autárquico” apresentado há dois anos.

“É um acordo com base na confiança, mas que será devidamente monitorizado ao longo dos próximos meses”, adiantou o dirigente político.

O reforço de verba e aumento dos beneficiários idosos nos projetos de tele-assistência domiciliária e na rede solidária de comparticipação de medicamentos são os principais acordos no setor da terceira idade.

Fogos de artifício silenciosos, pugnando pela proteção da avifauna e pela redução da poluição sonora a pessoas com sensibilidade extrema; as políticas de incentivo à aquisição de produtos de origem local e biológicos nas cantinas públicas e os seminários de alimentação vegetariana são outros dos compromissos alinhavados com o executivo liderado por Rogério Bacalhau.

Paulo Batista reforçou as várias medidas que serão implementadas na área do bem-estar animal, como uma campanha de «outdoors» contra o abandono e maus-tratos de animais, a contratação de mais um médico veterinário, o reforço do valor do cheque-veterinário, uma rede de pombais contracetivos e a colocação de «microchips» em animais errantes.

“A câmara acolheu várias medidas do PAN previstas no programa eleitoral e nas recomendações que foram sendo feitas na assembleia municipal”, frisou.

Em conjunto com a construção do Centro de Recolha oficial previsto nas grandes opções do plano de investimentos da autarquia, “Faro ficará bem mais próximo de ser o concelho de referência no que toca à proteção, saúde e bem-estar animal” no Algarve, concluiu o PAN.



Exit mobile version