Covid-19: França regista 8.078 mortos e tem 6.978 nos cuidados intensivos

Número de franceses considerados curados está agora em 233.000

O número total de mortos em França devido à pandemia de covid-19 subiu para 8.078, segundo os números divulgados hoje (20:17) pelas autoridades francesas, a que se refere a notícia da Lusa publicada há poucos minutos.

As autoridades francesas, sem conferência de imprensa, divulgaram os números atualizados da propagação da doença no país, indicando que, nas últimas 24 horas, morreram 357 pessoas que estavam hospitalizadas devido à covid-19 e 161 faleceram em lares.

Pub

Segundo as autoridades francesas, desde o dia 01 de março houve 5.889 mortes hospitalares relacionadas com a covid-19 e 2.189 em lares por todo o país.

Os números dos casos nos lares só começaram a ser divulgados na sexta-feira e continuam a ser analisados e contabilizados.

Refira-se que a França tem atualmente 70.478 casos confirmados de infeção por covid-19, dos quais 28.891 estão hospitalizados e 6.978 estão nos cuidados intensivos, segundo dados do Ministério da Saúde francês.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 1,2 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 65 mil.

Pub

Dos casos de infeção, mais de 233.000 mil são considerados curados, adverte também a Lusa.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.



Pub
Mais em Internacional
Rússia oferece cidadania rápida a residentes da Ucrânia ocupada

Vladimir Putin assinou um decreto nesta quarta-feira (25) que simplifica o processo para os moradores das regiões de Kherson e Zaporizhzhia…

Número de casos de varíola dos macacos em Espanha sobe para 51

Região de Madrid continua a mais afetada, com 47 positivos. Sauna da capital espanhola é…

EUA: Um professor e catorze crianças mortas a tiro no Texas

Catorze crianças e um professor foram mortos num tiroteio numa escola básica dos arredores de San Antonio,…

Ucrânia: 3.000 soldados e 4.000 civis mortos em 3 meses

Entre 2.500 e 3.000 soldados ucranianos e pelo menos 3.930 civis morreram desde o início…