Portimão reforça apelo: “Eu quero o meu Natal – Eu Escolho Cumprir”

No sentido de sensibilizar a população para que reforce «o escrupuloso cumprimento das regras sanitárias em vigor», o município de Portimão colocou em marcha a campanha pública “Eu quero o meu Natal - Eu Escolho Cumprir”.

«O principal objetivo desta campanha prende-se com a necessidade que existe por parte da população de condicionar os comportamentos de hoje, escolhendo cumprir as normas sanitárias de combate à pandemia, para que possa usufruir de uma época natalícia com a normalidade possível, evitando, entre outras coisas, que Portimão faça parte da lista de municípios com fortes restrições no dia-a-dia devido ao elevado número de casos de covid-19», sublinha o executivo.

Pub

Para isso, o município de Portimão conta «com o empenho de todas as pessoas, que deverão respeitar as medidas recomendadas pela Direção-Geral da Saúde, em especial no que toca ao uso de máscara, ao distanciamento social, à lavagem constante das mãos, à etiqueta respiratória e à utilização da APP “Stayaway Covid”, entre outras».

Uma das curiosidades desta campanha é que os cidadãos de Portimão têm ao seu dispor uma moldura digital, para as sua fotos de perfil na rede facebook, para que dessa forma também possam sensibilizar e aderir à iniciativa “Eu quero o meu Natal - Eu Escolho Cumprir”, essa moldura encontra-se disponível online.

"Eu quero o meu Natal -Eu escolho cumprir"

Carlos Pacheco, Janine Medeira, autora do blogue poupadinhos e com vales, o Moce d´um cabreste, os Giletes d´aço, Hugo Mendes, André Duarte, Jake Barroso, Rafaela Araújo, Rodrigo Dias, Rita Gomes são algumas das caras conhecidas dos portimonense que se juntam a esta causa, dando a cara em vídeos de sensibilização, que serão a partir da próxima semana, e até ao natal, partilhados nas redes sociais oficiais do município.

Portimão ainda não faz parte da lista de municípios fortemente condicionados, mas poderá constar se os números dispararem durante o período entre 1 e 14 de novembro e atingirem um total de 133 novos casos, a uma média de nove por dia, o que terá reflexos muito nefastos nas áreas económica, social, cultural e desportiva.

Pub

A campanha “Eu quero o meu Natal - Eu Escolho Cumprir” apela ao sentido de responsabilidade dos munícipes para que respeitem as atuais normas sanitárias. A autarquia destaca msmo que «os próximos dias serão determinantes para que o número de casos se mantenha controlado e não haja a necessidade da adoção de medidas drásticas ao nível do confinamento para conter a pandemia, que a todos penalizarão».



Pub
Mais em Sociedade
Baja de Loulé marcada no primeiro dia pelo calor e por desistências de vulto

Como delineado, a Baja de Loulé arrancou com o prólogo com 5,250 kms junto ao Estádio Algarve, permitindo ao público de Faro e Loulé assistir

De Boca em Boca Mértola com mais “Caminhos Contados”

Com o apoio do Ministério da Cultura através do programa Garantir Cultura, e o apoio…

“Bora lá ao Parque!” em Loulé

O Grupo de trabalho da Rede Municipal de Loulé “Cidade Educadora”, com a colaboração da…

Lagoa Wine Experiences 2022 arranca já este sábado

O Lagoa Wine Experiences dá o pontapé de saída sábado, dia 28 de maio, e…