Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Lagoa entrega os primeiros prémios da campanha “Val€ comprar no comercio local”

A entrega dos primeiros nove grandes prémios da campanha “Val€ comprar no comercio Local” decorreu na semana passada, numa pequena cerimónia que teve lugar esta sexta feira, 5 de fevereiro 2021, pelas 15.30h, no Auditório do Convento de S. José em Lagoa.

Este ato simbólico, presidido pelo presidente do município, Luís Encarnação, e acompanhado pelo Presidente da ACRAL, Paulo Alentejano, permitiu entregar o prémio de 1500 euros à contemplada, bem como os prémios entre os 750 e os 250 euros. Os restantes 105 contemplados tem vindo a levantar os seus prémios, entre os 150 e os 20 euros, no secretariado do recinto da FATACIL, onde se encontra instalado o Balcão do Empreendedor do Município de Lagoa.

Estes prémios são referentes ao primeiro sorteio da campanha “Val€ comprar no comercio Local", onde foram sorteados os primeiros 10 mil euros, num total de 50 mil euros a sortear, até ao final da campanha. A tômbola de onde saíram os prémios entregues continha 8010 talões, equivalentes a 80 100 euros de compras feitas no comércio local de Lagoa entre o dia 25 de dezembro de 2020 e o dia 25 de janeiro de 2021.

Os sorteios são transmitidos em streaming, em direto no site do município, a partir das 14h30 do último dia útil dos meses de janeiro, fevereiro, março, abril e maio de 2021. No mesmo local da web estão publicadas todas as informações sobre esta campanha. “Vale comprar no Comércio Local” é uma iniciativa conjunta da câmara de Lagoa e da associação comercial ACRAL – Associação de Comércio e Serviços do Algarve. Conta já com a participação de 120 empresas ou empresários a título individual sediados no concelho de Lagoa, mas continuam abertas as possibilidades de novas adesões. Já os consumidores que preferirem estes fornecedores locais de bens e serviços podem candidatar-se a novos prémios, no valor de mais 40 mil euros durante os próximos quatro meses.

Entretanto, o município de Lagoa, também já distribuiu 72 mil euros pelos desempregados inscritos e indicados pelo IEFP, em vales de 40 euros cada, para que os
mesmos possam realizar compras no comércio local.

«Com esta campanha o município visa apoiar a economia local, num momentonde acentuadas dificuldades para as empresas. Os efeitos económicos e sociais resultantes da pandemia de COVID-19 fazem-se sentir fortemente. Atrair clientes para o comércio tradicional em todo o concelho, promovendo a economia circular com ofertas aos participantes aderentes, é uma das várias medidas que estamos a implementar», esclareceu Luís Encarnação.



Exit mobile version