(Foto de Arquivo: CM Castro Marim)

Testagem massiva ao Covid-19 em Castro Marim deteta casos positivos

Testar para parar o vírus, é o mote da iniciativa iniciada no passado sábado pela Câmara Municipal de Castro Marim, que preocupada com o grande incremento da COVID-19 no concelho, que chegou a registar os números mais preocupantes da região algarvia, a autarquia decidiu avançar com o rastreio a toda a população, com o objetivo de quebrar as cadeias de transmissão.

Num concelho com menos de 7 mil habitantes, cerca de 800 pessoas inscreveram-se logo para esta primeira ação, em que foram detetados alguns casos positivos à COVID-19, imediatamente contactados e acompanhados pelo delegado de saúde local, Dr. Mariano Ayala, que se responsabilizou pela supervisão técnica e científica de toda a iniciativa, seguindo as diretrizes do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças.

Pub

Foram dezenas de voluntários, dando novamente corpo à campanha “O Amor Acontece”, uma iniciativa lançada pela autarquia castromarinense há um ano, que pretendia precisamente “assumir o amor na causa pública e despertar para os efeitos benéficos da partilha de afetos na construção de uma sociedade mais feliz. Quer no serviço público, quer no exercício político, estão pessoas com a vontade e a predisposição para servir uma comunidade, um concelho, uma região ou um país”.

As próximas ações de rastreio estão previstas para se iniciarem já durante a semana, nas aldeias do Azinhal e Odeleite, mas ainda estão sujeitas a confirmação. No fim-de-semana o rastreio desdobra-se entre Altura e Castro Marim. A marcação prévia é obrigatória e deverá ser realizada através do email biblioteca@cm-castromarim.pt ou dos contactos: 281 510 747 ou 281 510 778 (9h-17h) e 961 743 222 (9h-20h). Segue-se depois para a testagem em povoações mais isoladas através da Unidade Móvel de saúde. Continuam a excluir-se dos testes as crianças até aos 10 anos, pela dificuldade da colheita da amostra, e as pessoas vacinadas ou que já passaram a doença, dado que estão imunes.

O presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral, reitera o agradecimento e reconhecimento a todos os voluntários que contribuíram para o sucesso desta ação, desde os médicos dentistas e mentores Pedro Ribeiro e Ricardo Pereira, enfermeiros, higienistas, farmacêuticos e outros técnicos de saúde, elementos da Proteção Civil Municipal, funcionários da autarquia e outras pessoas que quiseram juntar-se ao movimento, que se disponibilizaram e que se formaram em horário pós-laboral para dar corpo a esta iniciativa pioneira no país.

A Câmara Municipal de Castro Marim sublinha também o apoio imprescindível da empresa informática Algardata e a orientação técnica do ABC - Algarve Biomedical Center, com inúmeras horas de trabalho em backoffice que permitiram que o profissionalismo e a organização patenteassem toda a iniciativa.

Pub



Pub
Mais em Sociedade
Que todos “aproveitem este Dia da Marinha em Faro”

O capitão-de-mar-e-guerra Fernando Rocha Pacheco nasceu em Penafiel mas há muito tempo que a região…

GNR apreende metais não preciosos em Almancil e constituiu um arguido

O Comando Territorial de Faro da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Posto Territorial de Almancil, ontem, dia 19 de maio,

Dois detidos em Lagoa na posse de 170 doses de cocaína e heroína

Dois homens de 22 e 32 anos foram detidos no dia 18 de maio por tráfico de estupefacientes, no concelho de Lagoa, segundo informação do

Marchas e arraiais voltam às noites de junho em Portimão 

No mês em que começa o verão, Portimão prepara-se para viver dias de grande animação…