© Foto / Northrop Grumman

EUA: satélite lançado para ‘estudo do domínio espacial’

A Força Espacial dos EUA lançou com êxito um satélite para o "estudo do domínio espacial" e deteção de objetos artificiais em órbita.

O lançamento do foguete Pegasus XL da empresa Northrop Grumman, de acordo com a notícia veiculada pelo SputnikNews, foi realizado no dia 13 de junho a partir da base de Vandenberg, na Califórnia.

Pub

O Pegasus, um foguete de três estágios que é lançado do ar, foi transportado por um avião L-1011 Stargazer da mesma empresa, especialmente modificado.

Pouco depois de ser liberado, a uma altura de aproximadamente 12 mil metros sobre o oceano Pacífico, acionou o primeiro estágio iniciando seu voo, que levou a missão Tactically Responsive Launch-2 (TacRL-2) à órbita baixa da Terra.

Lançamento do foguete Pegasus XL da empresa Northrop Grumman | © Foto / Northrop Grumman

De acordo com os militares, o projeto busca "responder às mudanças dinâmicas no domínio espacial ou em um teatro de operações e inserir ou substituir ativos na órbita muito mais rapidamente que os prazos normais para cumprir os requisitos emergentes do comando de combate".

"Este exitoso lançamento é um claro sinal para nossos competidores estratégicos de que não cederemos o acesso ao espaço [...] E com este esforço, demonstramos o tipo de velocidade que é precisa para ganhar. Executamos uma 'chamada de atenção de 21 dias' para colocar um satélite em órbita, extraindo a carga útil, acoplando-a ao foguete e integrando o pacote combinado na aeronave", afirmou o general John W. Raymond, chefe de Operações Espaciais.

A Northrop Grumman detalhou que este foi o 45º lançamento do Pegasus, que utiliza a propulsão sólida para oferecer a máxima capacidade de resposta, permitindo o lançamento a uma ampla variedade de órbitas em prazos curtos.

Pub



Pub
Mais em Internacional
Manto de neve cobre parte do sul do Brasil

Um manto de neve cobriu partes do estado de Santa Catarina no sul do Brasil que desde há alguns dias enfrenta uma invulgar vaga de frio

Portugal apoia Polónia com € 50 milhões em produtos e materiais

António Costa anunciou doação no valor de 50 milhões de euros, desde casas pré fabricadas até produtos farmacêuticos.

Primeiro caso brasileiro infetado com varíola de macaco na Alemanha

Infectado tem 26 anos e passou antes por Portugal e Espanha Na Alemanha, autoridades sanitárias…

Elon Musk reúne-se com o governo do Brasil pela ‘Amazónia’

Reunião centrada em “Conectividade e Proteção da Amazónia”. O multimilionário Elon Musk, dono da SpaceX e que recentemente…