Estado em que ficou o BMW oficial do ministro | Foto: Correio da Manhã

MAI esclarece acidente que envolveu carro do ministro

O ministério da Administração Interna esclareceu este sábado o caso que envolveu o carro onde seguia Eduardo Cabrita e que acabou com a morte de um operário que trabalhava na A6.

De acordo com a notícia publicada pelo Correio da Manhã, o Ministério da Administração Interna referiu que a viatura não sofreu qualquer despiste, que o veículo circulava na faixa de rodagem no momento em que o trabalhador se atravessou na estrada.

Segundo o Correio da Manhã, pode ler-se no comunicado, que o trabalhador atravessou a faixa de rodagem, apesar de os trabalhos de limpeza em curso estarem a decorrer na berma daquela autoestrada.

Pub

O MAI refere ainda que não havia qualquer sinalização que alertasse os condutores para a existência de trabalhos de limpeza em curso.

No comunicado, segundo o jornal CM, pode ler-se ainda que decorre agora uma investigação ao acidente, por parte do Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação de Évora da GNR.

O homem, mortalmente colhido, tinha 43 anos e era conhecido pela alcunha de ‘Pombinho’. Segundo o CM estava ao serviço de uma empresa colaboradora da Brisa na manutenção de autoestradas exploradas pela concessionária. Encontrava-se com outros três colegas a fazer trabalhos na A6, ao quilómetro 77,6, quando foi mortalmente colhido pelo BMW em que seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita.
A vítima deixa viúva e duas filhas menores, de 13 e 16 anos.



Pub
Mais em Nacional
Reforço de meios de combate a incêndios no terreno até dia 31

O dispositivo especial de combate a incêndios rurais (DECIR) para este ano, conforme definido pela…

Língua Portuguesa é a quarta mais falada no mundo

Idioma é usado por 260 milhões de pessoas O Instituto Camões informou hoje, 5 de…

CNN: Marcelo pediu mais meios para as forças armadas e “consenso nacional” (c/vídeo)

Presidente da República centrou nas forças armadas a sua intervenção na sessão solene que assinalou…

DGRM efetua venda antecipada de Alabote congelado apreendido

A Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos vai promover uma venda antecipada de 743 kg de Alabote apreendido.