Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

SIC: Suspensão das aulas presenciais no Algarve para travar variante Delta

As autoridades de saúde do Algarve decidiram suspender as aulas presenciais em todas as escolas do 1.º e 2.º ciclos dos concelhos de Albufeira, Faro, Loulé, Olhão e São Brás de Alportel. A taxa de incidência da covid-19 cresceu exponencialmente nestes cinco concelhos e a medida pretende travar o avanço da variante Delta, como apurado pela reportagem da SIC.

A decisão chegou este domingo e, em 14 horas, os pais, professores e alunos tiveram de organizar tudo para voltar às aulas a partir de casa. A medida aplica-se aos alunos entre o 1.º e o 6.º ano. O pré-escolar mantém-se presencial, mas com atenções redobradas.

A razão para esta retrocesso está nos números que forram o gabinete de Ana Cristina Guerreiro, delegada regional de saúde: no sábado, o Algarve atingiu uma taxa de incidência de 298 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias. A zona central da região é onde a variante Delta ganha mais terreno.

Com três surtos em escolas do primeiro ciclo – onde a máscara não é obrigatória – e com vários casos dispersos pela comunidade, a delegada regional de saúde não quis esperar nem mais um dia.

Os feriados com turistas, os jogos do UEFA Euro2020 e as festas particulares geraram uma situação explosiva e esta medida pretender travá-la. Os concelhos algarvios já adivinham um passo atrás no desconfinamento, mas a vacinação continua a ser a prioridade. O Algarve é a região do continente com menor taxa de vacinação.



Exit mobile version