Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Risco máximo de incêndio em 5 concelhos – IPMA

Os concelhos de Loulé, São Brás de Alportel e Tavira, no distrito de Faro, Gavião, no distrito de Portalegre, e Mação no de Santarém, apresentam hoje risco máximo de incêndio segundo o IPMA

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou também em risco muito elevado de incêndio os concelhos de Vila do Bispo, Lagos, Portimão, Monchique, Silves, Alcoutim, Castro Marim e Vila Real de Santo António no distrito de Faro, Almodôvar (Beja), Portalegre, Marvão, Castelo de Vide, Nisa (Portalegre) e Idanha-a-Nova, Vila Velha de Ródão, Proença-a-Nova, Sertã, Vila de Rei (Castelo Branco).

No centro e norte do país, em risco muito elevado de incêndio estão igualmente os concelhos de Ferreira do Zêzere, Tomar, Sardoal, Abrantes Constância, Vila Nova da Barquinha, Abrantes, Chamusca e Alcanena (Santarém), Figueira de Castelo Rodrigo (Guarda), Mirandela e Macedo de Cavaleiros (Bragança).

Resumindo, mais de 80 concelhos de vários distritos de Portugal continental estão em risco elevado.

De acordo com o IPMA, o risco de incêndio vai intensificar-se nalgumas regiões de Portugal Continental pelo menos até sexta-feira.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo. Os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.



Exit mobile version