Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Museu de Portimão mostra como ouvir o oceano

No próximo dia 10 de julho, o Museu de Portimão inaugura às 17h00 duas mostras tendo o mar como denominador comum. O destaque vai para a exposição "Ouvir o Oceano", da artista BJ Boulter (Bárbara Jane Boulter), enquanto a outra proposta reúne trabalhos relativos ao concurso “Design com lata”.

Patente até 14 de novembro na Sala de Exposições Temporárias e Temporárias e integrada no Projeto “MAR” da Rede de Museus do Algarve, “Ouvir o Oceano” pretende chamar a atenção e transmitir uma forte mensagem para a necessidade de proteger a beleza e a pureza dos oceanos, evitando a sua degradação, em especial através de descargas de resíduos poluentes e embalagens de plástico, bem como devido à pesca furtiva.

Numa região de forte ligação à cultura marítima como são os casos de Portimão e do Algarve, o alerta de BJ Boulter faz todo o sentido, pois os materiais em causa representam uma real ameaça à extinção de muitas espécies de peixes, crustáceos, mamíferos, tartarugas e recifes, pela poluição que provocam» enfatiza a autarquia portimonense.

A artista sublinha que o seu trabalho surge numa época em que a sociedade começa a reagir perante o facto de que o tempo se está a esgotar e de que algo deve ser feito, relativamente ao ambiente; «quando vejo a forma descuidada como nós, humanos, estamos a tratar a nossa terra e os seus habitantes, fico muito preocupada. Quero dizer-lhes para pararem e ouvirem o grito das aves, a angústia dos animais e o chamamento silencioso daqueles que habitam nas profundezas do mar, contaminados pelos nossos hábitos descuidados. Ouvir o oceano é urgente».



Exit mobile version