Jovens de Aljezur partem pela aventura do futuro

Um grupo de jovens estudantes da Aljezur International School realizou a aventura para qualificação nível Bronze, no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina.

A aventura para qualificação nível Bronze, constava de uma exploração, com observação e registo da fauna e flora do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina. Para isso o grupo de
jovens passou a noite nos terrenos da escola. Outras atividades desenvolvidas pelos alunos no âmbito do Prémio Infante D. Henrique constavam de ações de voluntariado para o Banco Alimentar local, apoio a animais, lojas de caridade, artesanato, teatro, arte e design, «onde o talento de cada um foi evidenciado», segundo conta a organização. Atividades desportivas como dança, hipismo, artes marciais e ciclismo estiveram igualmente em destaque.

Pub

O Prémio Infante D. Henrique é a versão portuguesa do “The Duke of Edinburgh’s International Award”, sendo seu fundador o Duque de Bragança. Trata-se um programa de actividades voluntárias e não competitivas, que se destina a todos os jovens com mais de 13 anos aos 25 anos. A escola adianta que «o prémio é um programa de desenvolvimento pessoal e social para os jovens, sendo o único programa nacional e internacional, que reconhece os jovens por aquilo que eles fazem; um complemento à educação académica e os benefícios para os jovens são o reconhecimento pelas Universidades».

O impacto nos jovens é bem retratado no filme “Skills for the Future”.

Existem 3 níveis de participação consoante a idade: Bronze, Prata e Ouro. Ao aderirem ao Prémio os Jovens desenvolvem 4 secções obrigatórias: serviço à comunidade, onde aprendem a prestar serviço aos outros e são incentivados a apoiar o próximo; desporto, onde adquirem um desenvolvimento físico e hábitos desportivos; secção de talentos, descobrem novos talentos em si ou simplesmente adquirem experiência profissional; por último a secção de aventura, considerado um teste à sobrevivência, realizada em grupo e onde se destacam qualidades de liderança, responsabilidade e maturidade.



Pub
Mais em Educação & Ciência
Maria João Bebianno distinguida por Mérito Científico

CCDR Algarve saúda a investigadora da Universidade do Algarve. A Ministra da Ciência e Tecnologia…

Loulé
Projeto europeu avaliou políticas de integração de migrantes e refugiados

Um estudo que avaliou as políticas de integração de migrantes não comunitários e refugiados em…

Alunos do Piaget de Silves realizam técnicas de mobilização

Os estudantes da licenciatura de Fisioterapia do Instituto Piaget de Silves realizaram técnicas de mobilização dos tecidos moles em crianças.

El Camino foi feito pelo AEFFL Olhão

O Agrupamento de Escolas Francisco Fernandes Lopes, de Olhão, marcou presença em mais uma mobilidade de alunos que decorreu em Espanha.