Jornal diariOnline Região Sul. O seu portal de notícias Algarve e Alentejo Portugal

Brasil: Butantan vai produzir mais 20 milhões de CoronaVac

Foto: in O Tempo

Brasil recebe diretamente ca China 12.000 litros de insumo da SinoVac, quantidade que dá para produzir 20 milhões de vacinas CoronaVac

No Brasil, o Instituto Butantan recebeu nesta terça-feira (13), um lote recorde com 12 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), que será usado para a produção de 20 milhões de vacinas CoronaVac. As doses serão destinadas ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) que abrange todos os Estados do país.

A remessa chegou ao Aeroporto Internacional de Guarulhos às 04h30 da última madrugada, num voo da companhia Swiss Air, que saiu de Pequim (China) no domingo (11) e fez escala em Zurique (Suíça). O secretário de Saúde do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn, acompanhou o desembarque.

Esta quantidade de IFA, de acordo com a SuperNotícia de O Tempo, foi enviada pela biofarmacêutica SinoVac, parceira do Butantan. No país, os insumos passam por processos como enfrascamento, rotulagem e embalagem, o que normalmente demora entre 15 e 20 dias.

O Butantan já disponibilizou 53,149 milhões de doses da vacina, o que, segundo o governo de São Paulo, corresponde a 43,4% de todas as doses aplicadas no país.

A última remessa de IFA tinha sido recebida pelo Instituto Butantan em 26 de junho, com 6 mil litros, para produção  de 10 milhões de doses, que ainda não foram entregues ao Ministério da Saúde - estando a entrega prevista para os próximos dias. O Butantan distribuiu um lote de 1 milhão de doses prontas ao PNI, no último dia 29 de junho, refere O Tempo.

Saliente-se que o Butantan chegou a ter a sua fábrica para produção de CoronaVac paralisada em maio devido à falta de matéria-prima. O cenário repetiu-se, por menos dias, no início de junho.



Exit mobile version