EFE/EPA/ANDY RAIN (Arquivo)

Companhia Ryanair anuncia contratação de 2.000 pilotos

Formação terá lugar ao longo de 2021 de modo a que os pilotos estejam prontos para o verão de 2022

A companhia aérea irlandesa Ryanair anunciou esta segunda-feira (12) o lançamento de uma campanha de contratação de 2.000 novos pilotos para tripular os aviões que serão entregues nos próximos três anos, tempo em que espera recuperar após a pandemia do coronavírus.

A Ryanair, de acordo com a EFE, explicou em comunicado que investiu numa nova frota de 210 aviões Boeing 737-8200, que serão entregues nos próximos três anos, tendo já recebido o primeiro.

Pub

Como tal, lançou esta campanha de contratação na qual a maioria das vagas de capitão serão preenchidas através de promoção interna, criando oportunidades para a substituição de Primeiros Oficiais e, em última hipótese, para novos pilotos cadetes que poderão começar assim a sua carreira na empresa.

Os cursos de formação, segundo a notícia da EFE, terão lugar ao longo de 2021 de modo a que os pilotos estejam prontos para o verão de 2022. Como anunciado pela Ryanair, estes novos contratados irão cobrir postos em toda a Europa.



Pub
Artigos Relacionados
Mais em Internacional
Número de casos de varíola dos macacos em Espanha sobe para 51

Região de Madrid continua a mais afetada, com 47 positivos. Sauna da capital espanhola é…

EUA: Um professor e catorze crianças mortas a tiro no Texas

Catorze crianças e um professor foram mortos num tiroteio numa escola básica dos arredores de San Antonio,…

Ucrânia: 3.000 soldados e 4.000 civis mortos em 3 meses

Entre 2.500 e 3.000 soldados ucranianos e pelo menos 3.930 civis morreram desde o início…

UE tem “mega-bazuca” de 10 mil milhões para a Ucrânia

No discurso perante o Fórum Económico Mundial, em Davos, a presidente da Comissão Europeia Ursula von der Leyen alertou…