(Foto: Inês Sambas)

Teatro das Figuras acolhe «Passagem Secreta», de Fernando Mota

O Teatro das Figuras, em Faro, vai acolher, em duas sessões marcadas para 11 de dezembro, «Passagem Secreta», o novo espetáculo multidisciplinar de Fernando Mota, com texto poético de Vasco Gato e criação visual de Mário Melo Costa.

O espetáculo dá continuidade à pesquisa e criação de instrumentos musicais e objetos sonoros a partir de árvores, pedra, água e outros materiais naturais iniciada por Fernando Mota em 2020 e da qual resultou, entre outros trabalhos, «7 Poemas para um Mundo Novo».

Pub

«Passagem Secreta» “explora a ideia da natureza e da arte enquanto cura e do fantástico enquanto ferramenta de transformação social e política”.

Objeto central é uma construção feita a partir de uma azinheira

A música, o texto declamado por vozes de todas as idades e as imagens projetadas de corpos de atores e da natureza “desenham ligações entre o sistema de comunicação das árvores, através das suas raízes, e os conceitos de raízes familiares, pertença e comunidade”.

Este é um espetáculo para todo o tipo de público, cujo objeto central é uma construção feita a partir de uma azinheira - quercus rotundifolia - recolhida do chão na Herdade do Freixo do Meio, no Alentejo. "Este objeto sonoro-instrumento-harpa é suspenso e tem duas copas, uma em cima e outra em baixo, no lugar das raízes. Sem chão", refere-se, em comunicado.

Desde 2010 que Mota tem vindo a criar uma série de espetáculos desenvolvendo uma linguagem cénica multidisciplinar e universal, em criações como «Mininu», «Mapa (estórias de mundos distantes)» e «Quando o Homem Lavrava o Mar», juntando o teatro, a música, a poesia e as artes visuais.

Pub

O seu universo musical resulta do cruzamento de diversas linguagens, geografias e ferramentas, como o estudo de instrumentos tradicionais de várias culturas, a construção de instrumentos experimentais e objetos sonoros e a utilização de elementos da natureza e sons do quotidiano nas suas composições.

Desde 1994 que compõe música para teatro, dança e cinema de animação, tendo colaborado com diversos diretores, companhias e produtoras. Algumas destas criações ganharam diversos prémios nacionais e internacionais.

As duas sessões de 11 de dezembro no Teatro das Figuras realizam-se às 16:00 horas (exclusiva para grupos de público sénior) e às 21:30 (público em geral).

Os bilhetes têm um custo que varia entre os 5 euros (menores de 30 anos) e os 10 euros (público em geral).

Pub
Mais em Artes & Espetáculos
Lídia Jorge
Livro de crónicas de Lídia Jorge vai ser apresentado em Loulé

A Biblioteca Municipal Sophia de Mello Breyner Andresen, em Loulé, vai acolher na quarta-feira, 25, às 21:00 horas, a apresentação do último

Loulé
Câmara de Loulé atribui mais de 300 mil euros ao movimento associativo cultural

O município de Loulé celebrou um contrato-programa com as associações locais que atuam na área cultural e recreativa, atribuindo a

Banda
Banda da Armada e Nuno Guerreiro dão hoje concerto único em Faro

A Marinha Portuguesa, através da Banda da Armada, comemora o Dia da Marinha num concerto ao ar livre, que conta com a presença especial

Albufeira: Dia do Autor Português com “21 poetas para o sec. XXI”

É com o “Recital de Poesia XXI: 21 poetas para o século XXI” que Albufeira…