Reabilitação de S. Marcos da Serra e Algoz está em discussão

Decorre até dia 17 de janeiro, a fase de discussão pública dos projetos de Operação de Reabilitação Urbana (ORU) de São Marcos da Serra e do Algoz, que incluem os projetos dos regulamentos dos programas municipais de apoio à reabilitação urbana naqueles aglomerados urbanos.

Durante este período, os interessados podem consultar os projetos de ORU e dos regulamentos no site institucional do município de Silves e participar na discussão pública, utilizando o formulário disponibilizado para o efeito.

Pub

Este processo desenvolve-se na sequência da delimitação das Áreas de Reabilitação Urbana (ARU) de São Marcos da Serra e do Algoz, e decorre da aprovação pela câmara de Silves, em 22 de novembro, das propostas de Operação de Reabilitação Urbana destas localidades. A operacionalização destas medidas e ações previstas nas ARU, integra, de entre outros benefícios e apoios, o Programa de Apoio à Melhoria das Condições de Habitabilidade (PAHAB) e o Programa de Apoio às Dinâmicas Sociais e Económicas (PADSE), cuja regulamentação é agora submetida a discussão pública.

«Em ambas as ARU, os objetivos e prioridades a prosseguir integram-se no eixo da ‘Qualificação Territorial’, especificamente no que concerne à intervenção no edificado, visando-se, a este nível, a sua requalificação e atratividade», explica a autarquia.

O executivo salienta ainda que «na ORU de São Marcos da Serra, o município de Silves estabeleceu uma majoração nos valores de despesa elegível dos programas municipais de apoio à reabilitação urbana, que se traduz na duplicação dos valores em face do previsto nas restantes ORU do concelho de Silves».

Esta opção, em consonância com a estratégia de desenvolvimento do interior, vai ao encontro dos princípios da coesão, da integração e da sustentabilidade territorial, promovendo uma discriminação positiva para o território da freguesia de São Marcos da Serra, em perda demográfica e de dinamismo económico e social. «Procura-se, assim, introduzir mecanismos que reforcem a atratividade e a competitividade dos territórios do interior do concelho, e, em consequência, inverter o processo de perda atual», remata a câmara.

Pub

Pub
Mais em Sociedade
Algarve
Pensar o Algarve 2030 ausculta populações do interior

As sessões de auscultação da população sobre «Pensar o Algarve 2030 – Estratégias para o interior», promovidas pela Associação In Loco,

Farol
Ilha do Farol é um dos “tesouros escondidos” na Europa

A Ilha do Farol, no concelho de Faro, foi nomeada para a lista de 22 “tesouros escondidos” revelada pelo site European Best Destinations

Helena Carreiras
Ministra da Defesa preside à cerimónia militar do Dia da Marinha em Faro no domingo

As celebrações do Dia da Marinha em Faro encerram amanhã, domingo, 22, com especial destaque para a cerimónia militar no jardim Manuel Bivar

Portimão
Semana Intercultural junta comunidades de migrantes de Portimão

A Semana Intercultural de Portimão vai decorrer entre 23 e 29 de maio, sob o mote da diversidade cultural, visando “promover a vivência das