Lagos aprova Conselho de Ambiente e Alterações Climáticas

A autarquia lacobrigense vai criar um novo órgão de reflexão e consulta para debater temas em matéria ambiental e sobre as alterações climáticas. A proposta foi apresentada na última reunião de câmara e recolheu o consenso de todo o executivo municipal.

«Procurando alargar uma prática já instituída», a câmara de Lagos aposta assim na ação direta e debate constante sobre o ambiente e as alterações climáticas com o objetivo de «fomentar o envolvimento e a participação dos cidadãos, estabelecendo uma estrutura permanente de interesse sobre temas relevantes no âmbito do desenvolvimento sustentável do município, da necessária adaptação às alterações climáticas, de um ambiente propício à saúde e bem-estar das pessoas e ao desenvolvimento social e cultural das comunidades».

Pub

A operacionalização desta decisão precisa ainda da elaboração de um regulamento que determinará a composição e normas de funcionamento do novo órgão consultivo. A destacar ainda que o município dispõe, desde janeiro de 2019, de um plano municipal de adaptação às alterações climáticas de Lagos (PMAAC-L), instrumento que permite avaliar e reduzir as vulnerabilidades climáticas deste território, definindo uma estratégia e promovendo medidas de adaptação.

Pub
Mais em Sociedade
Helena Carreiras
Ministra da Defesa preside à cerimónia militar do Dia da Marinha em Faro no domingo

As celebrações do Dia da Marinha em Faro encerram amanhã, domingo, 22, com especial destaque para a cerimónia militar no jardim Manuel Bivar

Portimão
Semana Intercultural junta comunidades de migrantes de Portimão

A Semana Intercultural de Portimão vai decorrer entre 23 e 29 de maio, sob o mote da diversidade cultural, visando “promover a vivência das

Vila do Bispo
Proteção Civil de Vila do Bispo “ganha” tenda insuflável e gerador trifásico

O município de Vila do Bispo adquiriu uma tenda insuflável de 42 metros quadrados, um gerador trifásico e outros equipamentos essenciais para

GNR
GNR deteve 239 pessoas por condução sob efeito de álcool na última semana

A GNR deteve 239 pessoas por condução sob efeito de álcool na última semana em todo o país, num total de 517 detidos em flagrante delito,