‘Taxa Zero ao Volante’ detetou 476 infrações devido ao álcool

A Campanha de Segurança Rodoviária “Taxa Zero ao Volante”, da responsabilidade da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), da Guarda Nacional Republicana (GNR) e da Polícia de Segurança Pública (PSP), que decorreu entre os dias 7 e 13 de dezembro, teve como objetivo alertar os condutores e todos os ocupantes dos veículos para os riscos da condução sob a influência do álcool.

Inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2021, a campanha foi divulgada nos meios digitais e através de cinco ações de sensibilização da ANSR, realizadas em simultâneo com as operações de fiscalização realizadas pela GNR e pela PSP, nas localidades de Alenquer, Porto, Albergaria-a-Velha e Almoinha Grande.

Pub

Em comunicado a ANSR informa que na campanha foram sensibilizados 203 condutores e passageiros, a quem foram transmitidas as seguintes mensagens:

-  Com uma taxa de álcool no sangue de 0,5 g/l o risco de sofrer um acidente grave ou mortal duplica;

-  Os acidentes que decorrem da condução sob a influência do álcool são particularmente graves;

-  Conduzir sob a influência do álcool causa perturbações ao nível de aspetos cognitivos e do processamento de informação que acarretam, entre outros efeitos, uma menor capacidade e rapidez de decisão, aumento do tempo de reação e descoordenação de movimentos.

Durante as operações das Forças de Segurança no âmbito desta campanha, realizadas entre os dias 7 e 13 de dezembro, foram fiscalizados presencialmente 39.846 veículos, tendo sido registado, no Continente, um total de 8.542 infrações, das quais 467 relativas à condução sob o efeito do álcool.

No período da campanha, de 7 a 13 de dezembro, em Portugal Continental, registou-se um total de 2.360 acidentes, de que resultaram 7 vítimas mortais, 41 feridos graves e 723 feridos leves.

Relativamente ao período homólogo de 2020, verificaram-se mais 106 acidentes, mais 3 vítimas mortais, mais 13 feridos graves e mais 92 feridos leves.

Pub

Com esta campanha, foi dado mais um passo para o envolvimento dos condutores no desígnio de tornar a segurança rodoviária uma prioridade de todos.

Pub
Mais em Nacional
Reforço de meios de combate a incêndios no terreno até dia 31

O dispositivo especial de combate a incêndios rurais (DECIR) para este ano, conforme definido pela…

Língua Portuguesa é a quarta mais falada no mundo

Idioma é usado por 260 milhões de pessoas O Instituto Camões informou hoje, 5 de…

CNN: Marcelo pediu mais meios para as forças armadas e “consenso nacional” (c/vídeo)

Presidente da República centrou nas forças armadas a sua intervenção na sessão solene que assinalou…

DGRM efetua venda antecipada de Alabote congelado apreendido

A Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos vai promover uma venda antecipada de 743 kg de Alabote apreendido.