AP Photo/Martin Meissner

Terceira dose obrigatória para ter “passe sanitário” francês – Euronews

Em Paris, o uso de máscara na rua deixou de ser obrigatório, por decisão do tribunal administrativo, que invalidou a decisão de obrigatoriedade

França

De acordo com a notícia da EuroNews, o passe sanitário, que permite aceder à maioria dos locais públicos, deixa de ser válido para todos os adultos que não tenham recebido a dose de reforço da vacina contra a Covid-19. A medida, que tinha já sido aplicada aos maiores de 65 anos, dirige-se agora a toda a população com 18 anos e mais.

Ao mesmo tempo que algumas medidas endurecem, há outras que são aliviadas. Em Paris, a máscara deixa de ser obrigatória na rua, por decisão do tribunal administrativo, que invalidou a decisão que obrigava a usá-la.

Pub

Países Baixos

Algumas restrições são aliviadas a partir deste sábado na Holanda. Segundo a EuroNews, o primeiro-ministro Mark Rutte anunciou as novas medidas. Os ajuntamentos no exterior são agora autorizados até quatro pessoas, enquanto no interior o limite é de apenas duas pessoas. As lojas consideradas não-essenciais voltam a abrir, mas só até às 17 horas e com um limite mais apertado ao número de pessoas que pode estar dentro.

Espanha

Na vizinha Espanha, algumas pessoas passam a poder levar uma quarta dose da vacina, que está disponível para aqueles considerados mais vulneráveis, cinco meses depois da terceira dose.
Entretanto, a terceira injeção passa a estar disponível para todos os maiores de 18 anos.

Alemanha

As regras de acesso aos bares e restaurantes mudaram, numa aposta que passa por lutar mais eficazmente contra a variante Ómicron do vírus Sars-CoV2.

Agora, só quem tem a dose de reforço pode entrar com a simples apresentação do passe sanitário. Quem tem só as doses anteriores da vacina, ou recuperou da Covid-19, tem também de apresentar um teste negativo.

Pub

Portugal

Todos aqueles que vão trabalhar nas mesas eleitorais, nas legislativas do próximo dia 30, começaram a receber a dose de reforço, informa a EuroNews no seu notíciário.

E complementa sublinhando que o governo está à espera de uma decisão da Procuradoria-Geral da República sobre como é que os eleitores que estão infetados ou em isolamento vão poder votar.
Portugal é um dos países da Europa em que a vacinação teve mais sucesso, com 90% a ter duas doses e 36% já com a dose de reforço.

Pub
Mais em Internacional
Brasileiro encontrado morto com abraçadeiras no pescoço

O corpo do brasileiro, natural de Minas Gerais, foi encontrado na região de Cabo da…

Manto de neve cobre parte do sul do Brasil

Um manto de neve cobriu partes do estado de Santa Catarina no sul do Brasil que desde há alguns dias enfrenta uma invulgar vaga de frio

Portugal apoia Polónia com € 50 milhões em produtos e materiais

António Costa anunciou doação no valor de 50 milhões de euros, desde casas pré fabricadas até produtos farmacêuticos.

Primeiro caso brasileiro infetado com varíola de macaco na Alemanha

Infectado tem 26 anos e passou antes por Portugal e Espanha Na Alemanha, autoridades sanitárias…