Foto: EFE/Paulo Cunha/Arquivo

Portugal registou mínimo histórico de nascimentos em 2021

O número de bebés nascidos em Portugal registou um mínimo histórico em 2021, em plena pandemia, e não chegou à marca de 80 mil pela primeira vez desde que os dados começaram a ser recolhidos

Esta notícia foi hoje avançada pela Agência Efe, citando como fonte desta quarta-feira o Instituto Nacional de Saúde (INSA). Os números, baseados no chamado "teste do pezinho", que são considerados um indicador bastante aproximado das taxas de natalidade do país, revelando que em 2021 o procedimento foi realizado em 79.217 bebés.

Pub

Segundo a Efe, este valor representa 6.239 testes a menos do que em 2020 e é inferior ao mínimo anterior, de 2014 (82.367 bebés), quando Portugal ainda se encontrava numa grave crise financeira. E essa crise provocou uma grande queda da natalidade no país, que não conseguiu recuperar os níveis anteriores e deparou-se posteriormente com uma pandemia que levou muitas mulheres a adiar a decisão de ter filhos.

Por sua vez, a taxa bruta de natalidade - nascimentos por 1.000 habitantes - foi de 8,2 em 2020, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Já a idade média da mãe no nascimento do primeiro filho é agora de 30,7 anos, segundo afirma a mesma organização.

Pub
Mais em Sociedade
Algarve
Pensar o Algarve 2030 ausculta populações do interior

As sessões de auscultação da população sobre «Pensar o Algarve 2030 – Estratégias para o interior», promovidas pela Associação In Loco,

Farol
Ilha do Farol é um dos “tesouros escondidos” na Europa

A Ilha do Farol, no concelho de Faro, foi nomeada para a lista de 22 “tesouros escondidos” revelada pelo site European Best Destinations

Helena Carreiras
Ministra da Defesa preside à cerimónia militar do Dia da Marinha em Faro no domingo

As celebrações do Dia da Marinha em Faro encerram amanhã, domingo, 22, com especial destaque para a cerimónia militar no jardim Manuel Bivar

Portimão
Semana Intercultural junta comunidades de migrantes de Portimão

A Semana Intercultural de Portimão vai decorrer entre 23 e 29 de maio, sob o mote da diversidade cultural, visando “promover a vivência das